ECPA de Arrancada abre temporada em alto estilo. Com cinco novos recordes, 140 carros participaram da 1ª etapa do certame

Com 140 carros na pista, foi realizada, nesse fim de semana (dias 10 e 11), a primeira etapa do Campeonato ECPA de Arrancada 2012, certame reconhecido como o Paulista da modalidade pela Federação de Automobilismo de São Paulo (Fasp). As provas foram disputadas em 16 categorias no autódromo do Esporte Clube Piracicabano de Automobilismo.

Com o forte calor e a sede de vitória dos pilotos, a reta de 201 metros do ECPA mais uma vez pegou fogo. A etapa teve início na sexta-feira (9), quando os carros começaram a chegar para treinos livres, nos quais foram testadas performances do equipamento.

No sábado, foi dado o start às emocionantes disputas oficiais. O dia foi marcado pela alta temperatura e um chuvisco, que interrompeu momentaneamente as provas, mas nenhum recorde foi batido. “As fortes emoções ficaram mesmo para o domingo, quando os pilotos mostraram que vieram para vencer”, comentou Daniella Giannetti, organizadora do evento.

Recordes

A adrenalina rolou solta no domingo, com a quebra de recordes.

Na categoria Standart, Wellington de Andrade Barranco estabeleceu a nova marca em 8s197. Na Dianteira Original, Edson Aparecido Padovez cravou 7s604.

Na Dianteira Turbo C, que teve o regulamento alterado para esta temporada, foi necessário zerar o recorde, mudança aprovada por todos os competidores da categoria. Assim, a nova marca foi estabelecida por Marcelo Ortolani da Silva: 7s960.

O destaque do dia foi Washington Luis Ferreira da Silva, com seu Vectra Bi-turbo, que baixou duas vezes a própria marca na categoria PRO MOD, estabelecendo o tempo de 5s580. O piloto, da cidade de Limeira, da equipe Pro Street Drag Race, voou baixo e atingiu 205 Km/h.

A 2ª etapa do Campeonato ECPA de Arrancada 2012 está marcada para os dias 5 e 6 de maio. Confira os três primeiros colocados em cada categoria na 1ª etapa:

DES 9.5 – DESAFIO 9.5
1º – 70 Alexandre Evangelista – 9.537
2º – 269 Alex Betini Alves – 9.544
3º – 88 Cristina Braz – 9.555

DES – DESAFIO
1º – 372 Carlos Rogerio – 9.000
2º – 7 Tercio Accioly Miranda Jr – 9.021
3º – 56 Eduardo di Gennaro Jr– 9.033

ST – STANDART
1º – 8 Wellington de Andrade Barranco – 8.277
2º – 18 Sergio Fernando Ribeiro – 8.526

DO – DIANTEIRA ORIGINAL
1º – 188 Edson Ap. Padovez – 7.859
2º – 29 Anderson Augusto Paes da Cruz – 8.064
3º – 2301 Wellington Batista Marcelino – 8.073

TO – TRASEIRA ORIGINAL
1º – 573 Diogo Carnicelli de Campos – 7.072
2º – 77 Alexandre Correa de Oliveira – 7.332

DT-C – DIANTEIRA TURBO C
1º – 472 Marcelo Ortolani da Silva – 8.023
2º – 242 Alexssandro Cecchini– 8.182
3º – 455 Nelson Real Martinelli – 8.195

DT-B – DIANTEIRA TURBO B
1º – 4 Marcel Luis Falato – 7.721
2º – 231 Vilson Ferreira – 7.887
3º – 52 Wagner Gomes Lacerda – 7.893

DT-A – DIANTEIRA TURBO A
1º – 316 Marcelo Prezotto – 6.487
2º – 626 Rafael Muñoz Pagliuca – 6.557
3º – 2266 Alexandre Iwaho Mizukami – 6.615

DS – DIANTEIRA SUPER
1º – 2100 Fabiano Rocha de Souza – 7.265

TT – TRASEIRA TURBO
1º – 9 Luis Eduardo Figueiredo – 6.280
2º – 74 Alexandre Seguro – 6.942
3º – 1408 Newton Carlos Guirau Junior – 7.333

FLD – FORÇA LIVRE DIANTEIRA
1º – 3900 Sergio Roberto Caetano Ganga – 6.056
2º – 39 João Roberto Tasso – 6.525
3º – 130 Andre Minoru Matsutani – 6.580

FLT – FORÇA LIVRE TRASEIRA
1º – 22 Jeferson Ferreira de Carvalho – 7.836

PM – PRO MOD
1º – 55 Washington Luis Ferreira da Silva – 5.815

EXTREME 10,5
1º – 173 Jeferson Pirani do Amaral Oliveira – 7.771
2º – 284 Bruno Takacs Zanardo – 9.398

STT – STREET TRAÇÃO TRASEIRA
1º – 573 Diogo Carnicelli de Campos – 6.945

DJ-C – DRAGSTER JUNIOR C
1º – 6 Daniel de Campos Scarazzatto – 11.217
2º – 48 Pedro Henrique Alarcon – 13.431

Serviço
Mais informações: www.ecpa.com.br.



Leia Também:
Anterior:

Próxima: