Publicidade

Chevrolet S10 é equipada com catalisador da Umicore. Líder em soluções para controle de emissões é fornecedora da GM desde 1996

A Umicore, principal fabricante de catalisadores automotivos do País, é a fornecedora de todas as versões 2.4 Flexpower da recém-lançada Chevrolet S10, desenvolvidas para o mercado interno. As versões 2.4 à gasolina produzidas na Tailândia também serão equipadas com catalisadores fornecidos pela Umicore Brasil, em conformidade com a legislação de emissões Euro 4.

Parceira da General Motors desde 1996, a multinacional belga fornece catalisadores a diversos modelos da montadora, como o Cobalt, Corsa, Prisma, Montana, Meriva, Astra, Zafira, Blazer, Vectra e também versões anteriores da S10.

“A utilização de novas tecnologias de produção e produtos desenvolvidos conforme as necessidades do cliente acabam por resultar em uma relação duradoura, ancorada na confiança e benefício mútuo”, comenta Alexandre Achcar, gerente comercial da Umicore.

Os catalisadores para a nova Chevrolet S10 são projetados para converter até 98% dos gases poluentes do motor do veículo em gases inofensivos ao meio ambiente. Esse alto grau de eficiência se dá devido à composição do catalisador. O equipamento é formado por uma cerâmica interna, impregnada por metais nobres e a alta tecnologia da Umicore, responsável pela transformação dos gases poluentes.

“Colocamos à disposição de nossos clientes todas as ferramentas que temos em nossa planta de Americana especificamente para o desenvolvimento de sistemas de pós-tratamento de gases de exaustão, com o nosso Centro Tecnológico de Emissões Veiculares, o que possibilita a otimização da relação custo benefício em curto espaço de tempo”, explica Achcar.

Sobre o catalisador
O catalisador é uma peça que integra o sistema de exaustão dos veículos. Formado por um núcleo cerâmico, o equipamento tem a função de converter até 98% dos gases nocivos do automóvel em gases inofensivos ao meio ambiente. Projetado para ter a mesma durabilidade que o automóvel, o catalisador pode ser danificado por impactos, o que pode comprometer permanentemente o seu funcionamento, sendo necessário efetuar a substituição da peça.

Em caso de necessidade de troca da peça, o consumidor deve exigir o certificado de garantia, a nota fiscal e a embalagem padronizada do produto, garantindo a originalidade do catalisador e o perfeito funcionamento do motor.


Publicidade


Leia Também:
Anterior:

Próxima:

Publicidade