Publicidade

Barrichello: será incrível andar a 300 km/h na Marginal com carro da BMC na Indy. Piloto da BMC na Fórmula Indy está ansioso para acelerar na maior reta do campeonato, justamente em uma das vias mais congestionadas de São Paulo

A menos de dois dias de sua estreia na etapa paulistana da Fórmula Indy, o piloto Rubens Barrichello admite que não vê a hora de acelerar seu carro, com as cores da BMC, na maior reta do campeonato, a da Marginal Tietê – ironicamente, uma das vias mais congestionadas de São Paulo.

O piloto até brincou com a situação. “Depois de pegar tanto trânsito na Marginal, vai ser um grande prazer acelerar a mais de 300 km/h neste trecho”, disse o piloto na entrevista coletiva com os quatro pilotos brasileiros da Indy – Tony Kanaan, Helio Castroneves e Bia Figueiredo também estiveram hoje falando com os jornalistas no Anhembi.

O apoio forte de milhares de torcedores (a organização anunciou hoje que os ingressos já estão esgotados) também é destacado por Barrichello.

“Correr em casa é sempre muito positivo, com a vibração e carinho da torcida”, diz o piloto patrocinado pela BMC – a empresa, inclusive, terá um camarote VIP com 240 convidados para prestigiar a prova, em uma importante ação de marketing de relacionamento com seus principais clientes.

A previsão do tempo indica possibilidade de chuva para o final de semana, mas Barrichello, cujo histórico aponta excelente retrospecto em condições de pista molhada, não tem preferência específico para um tipo de pista.

“Para mim, o importante é que a condição se mantenha igual entre os treinos e a corrida, porque vai ser minha estreia neste circuito e preciso de todo tempo de pista para poder ter a melhor performance possível”, diz Barrichello.


Publicidade


Leia Também:
Anterior:

Próxima:

Publicidade