Inovador Mercedes-Benz Citaro é o “Ônibus do Ano 2013”. Mercedes-Benz Citaro Euro VI triunfa em uma comparação internacional

Suas inovações técnicas ajudaram-no a tirar da corrida outros concorrentes, que assim como ele, representam uma nova era na competição deste ano pelo título de “Ônibus do Ano 2013”. O novo Citaro com motor Euro VI ganhou o apoio esmagador do júri internacional de especialistas, bem à frente de seus competidores, quase todos os quais estavam contando com a tecnologia híbrida.

O novo Citaro já é o primeiro ônibus urbano de produção padrão a incluir a tecnologia Euro VI e continua a expandir sua vantagem competitiva. De modo a atender à nova legislação, os ônibus contam com um complexo sistema de controle de emissões, que combina a conhecida tecnologia Mercedes-Benz SCR, com a injeção de Arla, um conversor catalítico de oxidação e um sistema de recirculação de gás de escapamento, além de um filtro de particulado de loop fechado. Uma geração completamente nova de motores, em conjunção com este sofisticado sistema de controle de emissões, garante as margens mais baixas já detectadas de poluentes, representando, deste modo, um passo além no desenvolvimento contínuo da tecnologia a diesel.

“Nosso principal objetivo ao desenvolver o novo Citaro era combinar economia e eficiência com ganhos correspondentes em desempenho, segurança e conforto”, enfatizou Hartmut Schick, chefe da Daimler Buses. O coração deste “milagre econômico” da Mercedes-Benz é representado pela série de motores recém desenvolvida BlueEfficiency Power, que consiste em unidades alinhadas de seis cilindradas OM 936, com um deslocamento de 7,7 litros e OM 470 com um deslocamento de 10,7 litros. Ambos os motores atendem à norma de emissões Euro VI e são caracterizados por sua durabilidade, juntamente com seu baixo consumo de combustível, de óleo e de AdBlue.

Tais inovações técnicas, contudo, não aumentaram o peso do Citaro nem reduziram seu espaço. Também ajudando a economizar há um módulo de recuperação inovador de 24 volts, no qual a energia produzida sem qualquer despesa pelo alternador, durante fases de sobrecarga, é armazenada em capacitores com camada dupla, conhecidos como supercaps, que o ônibus pode, então, utilizar como fonte adicional de energia, durante a fase de aceleração. A altura de embarque mais baixa nas portas traseiras também ajuda a reduzir o consumo de energia. No geral, o Citaro alcança economia de combustível entre 3% e 5%. Dado o uso normal, isso corresponde a 1.000 litros de diesel ou 2,6 toneladas de CO2 por ano. A manutenção dos filtros de particulado de diesel agora só precisa ser feita a cada dois anos, ou após 120.000 quilômetros.

Outro fator para o sucesso do novo Citaro – vencedor do prêmio “Ônibus do Ano 2013” é seu design atraente e único. Para acomodar os novos motores, os engenheiros desenvolveram uma nova estrutura traseira, que torna o veículo 30 milímetros mais longo. A tampa do motor e os clusters de luz traseiros também foram redesenhados. Unidades de LED que economizam energia e têm vida longa foram utilizadas para as lâmpadas traseiras, luzes de freio e setas.

Como não poderia deixar de ser, o Citaro obteve notas extremamente boas em termos de segurança. Isso porque ele apresenta um novo elemento para proteger o motorista em caso de colisão – um espaço de sobrevivência maior para o interior, caso o ônibus capote. Também foi possível tornar diversos elementos da carroceria mais leves, e até mesmo mais fortes. O novo Citaro é o primeiro ônibus urbano a contar com ESP.

O conforto dos passageiros foi outra área considerada pelos jurados para eleição do Citaro como “Ônibus do Ano 2013”. Visto se aproximando de um ponto, o ônibus já parece convidativo: as áreas de entrada e saída em cada porta são bem iluminadas com uma faixa larga de luz LED. Esse conceito de iluminação amigável continua no interior, garantindo uma atmosfera receptiva. Com as abas de ventilação do teto atuando como refletores, as luzes dão o efeito de iluminação indireta. Elementos adicionais de luz foram usados para criar áreas quietas e discretas e cantos de leitura enquanto, ao mesmo tempo, o bom nível de iluminação da seção traseira do veículo ajuda a reduzir o risco de vandalismo. O novo design dos corrimãos horizontais significa que eles podem ser utilizados tanto para a integração de elementos de iluminação adicionais como para propagandas intercaláveis ou até mesmo texto rolante, abrindo, deste modo, novas possibilidades para empresas gerarem renda adicional através de propagandas.

O motorista do Citaro pode estar certo de que irá aproveitar um espaço de trabalho moderno, que estabelece novos padrões em termos de facilidade de uso, ergonomia, instrumentação e conforto. A porta da cabine do motorista garante acesso direto da porta da frente para o assento do motorista, e vice versa. O espaço para armazenamento na porta foi melhorado, e agora oferece um compartimento maior para a mala do motorista.



Leia Também:
Anterior:

Próxima: