Publicidade

Equipe goiana troca Scania por Ford para temporada de 2014 da Fórmula Truck. José Maria Reis e Leandro Reis, tio e sobrinho, terão novos caminhões para campeonato que começa no dia 16 de março em Caruaru

Após seis temporadas competindo com caminhões Scania, os pilotos da Original Reis Competições vão apresentar novidade em 2014 no Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck. José Maria Reis e seu sobrinho Leandro Reis, da cidade de Goiânia (GO), vão pilotar caminhões Ford nesta temporada, a 19ª da categoria. A primeira das dez etapas do calendário será disputada no dia 16 de março no Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Caruaru (PE).

“É um ciclo que termina”, define José Maria, que se prepara para a sua décima temporada na Fórmula Truck. “Como nossa equipe não recebia apoio da Scania, decidimos mudar, pensando sempre em melhorar. Nos meus dois primeiros anos na Truck eu corri com caminhões da Ford. O Leandro fez um teste muito bom com um Ford três anos atrás e gostou”, comenta José Maria. “Tudo isso influenciou na nossa escolha pelos Ford”, acrescenta.

O grid terá cinco caminhões Ford. A DF Racing Fans, comandada por Djalma Fogaça, terá outros três, que serão pilotados pelo próprio Fogaça, representante paulista, pelo paranaense David Muffato e pelo mato-grossense Raijan Mascarello. A montagem dos novos caminhões da Original Reis acontece em sua sede em Goiânia. “Se conseguirmos fazer um teste antes do campeonato, vai ser na semana da primeira corrida”, antevê José Maria.

Foi com um caminhão Ford da equipe de Fogaça que José Maria Reis estreou na Fórmula Truck, em 2005. Correu pela equipe por dois anos e, em 2007, atuou com um Scania da equipe de Roberval Andrade. A partir de 2008 passou a defender a Original Reis Competições, sempre com caminhões Scania. Em 2009, obteve seu melhor resultado na categoria e subiu ao pódio como quinto colocado na etapa de Santa Cruz do Sul.

Leandro Reis está na Truck desde 2007. Conquistou três pole-positions, nas etapas de Campo Grande, em 2010, Goiânia e Curitiba, ambas em 2012. Também estabeleceu duas voltas mais rápidas em corridas – em Brasília, na etapa final de 2009, e em São Paulo, no ano seguinte. Já esteve no pódio dez vezes, quatro delas no campeonato do ano passado, e seu melhor resultado foi o segundo lugar na etapa do Rio de Janeiro em 2010.


Publicidade


Leia Também:
Anterior:

Próxima:

Publicidade