Publicidade

Campus de Xerém abre as portas à caravana da Alfa Romeo

O Campus de Laboratórios do Inmetro, em Xerém, viveu nesta terça-feira, 25 de março, um momento marcante com a passagem da Caravana da Alfa Romeo. Quinze carros de todas as épocas da montadora desfilaram pelo Campus, como parte de uma viagem histórica pelo Brasil para visita à antiga Fábrica Nacional de Motores, onde atualmente funciona a fábrica de carrocerias de ônibus Ciferal-Marcopolo, em Xerém. Servidores e colaboradores do Inmetro lotaram o entorno do restaurante, para ver de perto veículos que fizeram sucesso nas ruas nas décadas de 70 e 80, entre eles um Alfa Romeo 2300 branco, modelo oficial do evento, que voltou a Xerém, onde foi construído, depois de 40 anos, exibindo ‘grande forma’.

“O nosso maior desafio foi trazer intactos e sem problemas mecânicos carros com muitos anos de uso, depois de uma viagem de 1.300 quilômetros. Isso mostra a confiança que temos nesta marca. Temos muita admiração pelo Inmetro e agradecemos a recepção especial. Nós nos sentimos em casa”, confidenciou Marcelo Paolillo, idealizador do evento e que recebeu do Inmetro uma placa comemorativa.

Para alguns dos servidores da Casa, como Mercidis Batista, da Divisão de Finanças (Diraf /Difin), este foi um reencontro com o início de sua vida profissional. “Meu primeiro emprego, aos 19 anos, foi na fábrica da Alfa Romeo, aqui em Xerém, onde trabalhei por dois anos após servir o Exército. Depois vim trabalhar no Inmetro, onde estou até hoje. Ajudei a montar estes carros e estar ao lado deles me deixa com saudades”, disse, apontando para o 2300 branco, a pérola da caravana.

Os carros ficaram expostos das 12 h às 15 h, e depois seguiram o percurso de uma caravana que cruza o país, com trajeto de 2.300 quilômetros. A viagem, que começou no dia 22 de março, em São Paulo, passando por Curitiba, São José dos Campos (SP), Petrópolis, Xerém, Betim (MG), encerra na capital paulista, no dia 27 de março, em oito dias de estrada.

Participam da caravana colecionadores e amantes de carros antigos, movidos pela paixão, devidamente assistidos por um mecânico, para os eventuais enguiços.


Publicidade


Leia Também:
Anterior:

Próxima:

Publicidade