Publicidade

TNT aposta na consciência ambiental e implanta o Foot Courier

A TNT, maior transportadora de carga expressa do Brasil, coloca em prática uma ação que mira na consciência ambiental e na produtividade. A novidade é a entrega e coleta de documentos por meio do Foot Courier, um serviço de entrega por mensageiros.

O serviço – que conta com quatro mensageiros que realizam o trabalho a pé, de ônibus e também metrô – já está disponível nos grandes polos empresariais da cidade de São Paulo: Av. Paulista, Av. Brigadeiro Faria Lima e Av. Engenheiro Luís Carlos Berrini; e do Rio de Janeiro: Av. Rio Branco, Candelária e Presidente Wilson.

“Vínhamos estudando alternativas que colaborassem para a diminuição de emissões de CO2, mas que também permitisse melhorar a eficiência nas coletas e entregas, fugindo do trânsito dos principais corredores de negócios da cidade. O foot courier é uma das grandes e boas soluções para cidades como São Paulo e Rio”, explica Cristiano Koga, diretor corporativo da TNT no Brasil.

O resultado é imediato. “Um veículo de carga pequeno, utilizado comumente pelas transportadoras brasileiras, emite em média 1,015 kg dióxido de carbono (CO2) mensalmente. A emissão do foot courier é zero”, avalia o executivo.

Uma boa maneira de exemplificar a quantidade de gases nocivos o delivery por mensageiros deixa de emitir, é comparando a absorção de CO2 por uma árvore da Mata Atlântica. Cada árvore pode absorver 163 kg de CO2, ao longo dos seus primeiros 20 anos. Portanto, dois foot couriers – que deixam de emitir 2.032 kg de CO2 na atmosfera por mês – representam o que 12 árvores teriam que absorver.

De acordo com Koga, a redução de custos também incentiva a continuidade do serviço, já que uma entrega comum, por quatro rodas, custa para a TNT 36% mais que o foot courier. O aproveitamento do potencial do profissional também é muito maior. “O courier comum é contratado para trabalhar em período integral, mas perde muito tempo vindo até o terminal, aguardando o carregamento, descarga e trânsito. Já o foot courier tem todo o seu horário de trabalho dedicado à operação. A diminuição do risco de acidentes e furtos também é imediata”.

Outra vantagem do serviço é a aumento no período de coleta e entregas. Ou seja, os clientes terão mais tempo durante o dia para solicitar uma retirada e para receber uma encomenda. Se antes as empresas podiam solicitar o serviço até às 17h, hoje ele pode estender até às 19h.

“Devemos dobrar esse serviço no próximo ano. A grande dificuldade de circulação com carros nas principais vias, muitas vezes, atrapalha o trabalho e afeta a necessidade das corporações. Esse projeto, que é transformacional, casa com a nossa responsabilidade social e já dá resultados na produtividade, além de reduziu significativamente os nossos custos”, finaliza Koga.


Publicidade


Leia Também:
Anterior:

Próxima:

Publicidade