Publicidade

NGK equipa motores das maiores escuderias no GP Brasil de Fórmula

A NGK, maior especialista global em velas de ignição, leva para as montadoras do Brasil e do mundo, os mesmos padrões tecnológicos com que equipa os carros de Fórmula 1. Na etapa de Interlagos, na capital paulista, entre 7 e 9 de novembro, a fabricante é patrocinadora da Ferrari, Vodafone Mclaren e Mercedes AMG Petronas F1, além de equipar os carros das escuderias que utilizam esses motores. Parceira tecnológica da categoria há mais de 50 anos, as velas de ignição da NGK estiveram presentes em mais de 300 vitórias, auxiliando na conquista de 15 títulos do Campeonato Mundial e outros 15 no de Construtores.

“O sucesso da parceria entre a NGK e as equipes da Fórmula 1 está relacionado à qualidade e confiabilidade dos nossos produtos, consolidando a empresa como referência em todos os segmentos do mercado”, afirma Marcos Mosso, chefe de Marketing da NGK do Brasil. “A nossa participação em projetos de motores das escuderias é extremamente estratégica, pois muitas tecnologias para carros de passeios, tiveram origem nas pistas de corrida”.

Além da Fórmula 1, a NGK está presente em outras competições internacionais, como a WRC, a mais importante disputa mundial de rali, e a Super GT, principal categoria de carros da classe Gran Turismo, no Japão. A fabricante também equipa Yamaha, Honda e Ducati, no campeonato de Moto GP.

A decisão da temporada 2014 da Fórmula 1 acontece em 23 de novembro, em Abu Dhabi, capital dos Emirados Árabes Unidos. A disputa está entre os pilotos da Mercedes, que já garantiu o Mundial de Construtores, Lewis Hamilton e Nico Rosberg. “Uma certeza nós temos: a NGK estará presente no motor da equipe e do piloto campeões”, destaca Mosso.

Velas de ignição

A função da vela de ignição é conduzir a corrente elétrica sob alta tensão para o interior da câmara de combustão, convertendo-a em faísca para inflamar a mistura ar/combustível. A peça requer alta tecnologia e sua correta manutenção está diretamente ligada ao rendimento do motor, aos níveis de consumo de combustível e à maior ou menor emissão de poluentes, entre outros fatores.


Publicidade


Leia Também:
Anterior:

Próxima:

Publicidade