Publicidade

Mercedes-Benz é referência em mobilidade urbana e combustíveis alternativos

Ônibus Mercedes-BenzO pioneirismo e a vasta experiência e competência da Mercedes-Benz do Brasil no desenvolvimento e na aplicação de soluções para a mobilidade urbana e a compatibilidade ambiental ganham destaque na 10ª FetransRio, feira paralela à 16ª edição do congresso Etransport. Juntos, eles formam o maior evento do setor no País, organizado pela Fetranspor (Federação das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Rio de Janeiro). Ambos serão realizados, entre os dias 5 e 7 de novembro, no Centro de Convenções Riocentro, na cidade do Rio de Janeiro.

“Temos muito a mostrar aos visitantes da FetransRio, a começar pelos avanços nos testes com o exclusivo motor ‘Dual Fuel’ Diesel+GNV para ônibus urbanos”, diz Curt Axthelm, gerente senior de Marketing de Produto Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil. “Este é mais um desenvolvimento pioneiro da nossa marca, dando continuidade a experiências de sucesso, como o uso de biodiesel e diesel de cana, combustíveis alternativos já amplamente utilizados em veículos comerciais no Brasil”.

De acordo com o gerente, o foco da Empresa no desenvolvimento de soluções alternativas ao diesel de petróleo inclui também, a parceria com a Eletra, empresa especializada em veículos com tração elétrica. “Chassis e motores Mercedes-Benz estão presentes no HíbridoBR, no E-Bus e no trólebus da Eletra”, diz ele. “Ou seja, nossa marca está sempre associada à geração de soluções modernas e avançadas, voltadas à melhoria da qualidade do ar e à proteção do meio ambiente. Este, aliás, é um compromisso global da nossa Empresa”.

Curt afirma ainda que, na FetransRio, a Mercedes-Benz também destacará seu amplo conhecimento e experiência em sistemas de transporte coletivo urbano. “Além de oferecer ao mercado a mais completa linha de ônibus para linhas troncais, alimentadoras e distribuidoras, de microônibus e ônibus padron a articulados e superarticulados, contamos com uma equipe especializada em sistemas como BRT e corredores exclusivos, prestando apoio a órgãos gestores e a empresas operadoras”.

Motor Diesel+GNV reduz as emissões de gases do efeito estufa

A Mercedes-Benz do Brasil vem avançando no desenvolvimento do motor “Dual Fuel” Diesel + GNV (Gás Natural Veicular) para utilização em ônibus.

A empresa anuncia na FetransRio o inicio, no 1º Trimestre de 2015, dos primeiros testes em clientes do Rio de Janeiro com esta nova tecnologia. Serão testados 3 veículos durante todo o ano de 2015, em um projeto que conta com a parceria da CEG, Empresa Saens Pena e Vila Real.

O principal combustível é o GNV, complementado pelo óleo diesel, seja o diesel de petróleo S10 ou uma mistura com até 20% de biodiesel ou ainda 100% de diesel de cana Quando o motor opera no modo “Dual”, o óleo diesel é utilizado como indutor de chama para a ignição do gás. O motor também poderá trabalhar exclusivamente com óleo diesel.

Sem grandes alterações no motor básico a diesel foi possível atingir até 70% na relação de substituição por GNV. Nesta proporção, há uma redução de 18% nas emissões de HC e CO2, um dos principais gases do efeito estufa, e ainda redução de cerca de 10% na emissão de material particulado.

O projeto incluiu mudanças na arquitetura elétrica e eletrônica do veículo, onde será incluído um módulo para o controle de injeção de GNV no motor, mantendo o sistema SCR (redução catalítica seletiva) e aplicando adicionalmente um catalisador de oxidação, a fim de reduzir as emissões de monóxido de carbono e metano.

Os tanques de GNV poderão ser montados na carroçaria e conectados ao sistema de válvulas de alimentação do motor existentes no chassi. A quantidade de cilindros será determinada pela autonomia necessária e pela distribuição de pesos no lay out para cada operação.

Um ônibus com motor que consegue funcionar com diesel puro ou Diesel+GNV, como o ‘Dual Fuel’ da Mercedes-Benz, oferece uma importante vantagem: quando não há disponibilidade de GNV, o veículo bicombustível opera normalmente, ou seja, pode ser abastecido somente com diesel.

“Com a possibilidade de aumento da oferta de GNV no Brasil, o uso deste combustível em ônibus urbanos será uma importante opção para diminuir o consumo de diesel fóssil e para a redução dos custos operacionais das empresas de transporte”, destaca Curt Axthelm.

Empresa é pioneira no uso de combustíveis alternativos

Os engenheiros e técnicos da Mercedes-Benz do Brasil trabalham permanentemente no desenvolvimento do uso de combustíveis alternativos. Entre as experiências pioneiras da Empresa incluem-se, com sucesso, testes em bancos de prova e utilização regular em caminhões e ônibus com biodiesel e diesel de cana.

Os ganhos ambientais proporcionados por esses combustíveis alternativos são potencializados ainda mais pelos motores com tecnologia BlueTec 5 da Mercedes-Benz. Dessa forma, a Empresa dá importante contribuição à mobilidade sustentável e contribui com significativa redução de emissões de poluentes. Além disso, oferece ainda aos clientes e aos operadores e gestores de transporte, a possibilidade inigualável de escolha entre diferentes combustíveis. Tudo isso sem realizar alterações no motor. Ou seja, decisivamente, os motores Mercedes-Benz são multicombustíveis, com reconhecida eficiência e confiabilidade.

Mercedes-Benz é parceira da Eletra em veículos elétricos

Além dos desenvolvimentos de motores para combustíveis alternativos, a Mercedes-Benz também está presente, como parceira, em experiências da Eletra com veículos de tração elétrica.

A Eletra está no mercado há mais de 30 anos e produz veículos elétricos nas versões trólebus (rede aérea), híbrido (grupo motor gerador + baterias), e elétrico puro (baterias). Em 1999, a Eletra criou o primeiro ônibus elétrico híbrido com tecnologia brasileira. Hoje, a marca está presente em 300 trólebus e em 45 híbridos em operação na Grande São Paulo.

O HíbridoBR, que utiliza chassi O 500 e motor Mercedes-Benz, é uma importante alternativa para a redução de emissão de gases poluentes na atmosfera. Neste veículo, as emissões locais, como o material particulado, são reduzidas em até 95%. Já a redução do consumo de diesel, em operação comercial, gira em torno de 20%.

Utilizando um chassi Mercedes-Benz O 500, o E-Bus é o primeiro ônibus elétrico brasileiro movido 100% a baterias. Em fase de teste em operação regular na Região Metropolitana de São Paulo, este veículo tem emissão zero de gases poluentes e a energia vem de um conjunto de 14 baterias, que precisa de apenas 3 horas para recarga total, garantindo autonomia operacional de 200 km. O E-Bus conta ainda com um sistema de recarga rápida, que pode ser feito em 5 minutos, oferecendo mais 11 km de autonomia.

Forte presença nos principais sistemas BRT do Brasil

Os ônibus Mercedes-Benz circulam hoje, de forma intensa, nos principais sistemas BRT do Brasil. Entre eles, o Expresso Tiradentes, de São Paulo; o MOVE, de Belo Horizonte; a Transoeste e a Transcarioca, no Rio de Janeiro; e o Expresso DF, de Brasília.

“Com o BRT, a população dessas regiões metropolitanas conta com mais qualidade de vida, graças ao transporte mais rápido, confortável e seguro, o que resulta em ganhos significativos para a mobilidade urbana”, diz Gustavo Nogueira, gerente de Marketing BRT da Mercedes-Benz do Brasil. “Some-se a isso os benefícios ambientais, uma vez que as novas frotas Mercedes-Benz consomem menos combustível, emitem menos poluentes e contribuem para a melhoria da qualidade do ar graças à exclusiva tecnologia BlueTec 5”.

Gustavo destaca que a marca Mercedes-Benz está presente de forma absoluta nos sistemas de transporte coletivo urbano no País, seja em corredores exclusivos ou em linhas alimentadoras e distribuidoras. “Dos superarticulados e articulados, para grande volume de passageiros, aos veículos do tipo padron e micro, nossos ônibus proporcionam conforto e segurança para os passageiros e o motorista. Ao mesmo tempo, oferecem reduzido custo operacional, robustez e resistência, assegurando rentabilidade para os clientes e eficiência para os gestores do transporte”.

Além da mais completa linha de chassis de ônibus, a Mercedes-Benz também oferece assessoria especializada em transporte de passageiros, por meio de uma equipe totalmente focada em sistemas como o BRT, com apoio a clientes, órgãos gestores e consultorias de transporte.

A Mercedes-Benz tem conhecimento e experiência mundial e local para a implantação desse tipo de sistema. A marca está presente hoje em todos os principais BRTs no mundo, como os de São Paulo, Belo Horizonte, Rio de Janeiro e Curitiba no Brasil, Bogotá na Colômbia, Santiago do Chile, México, Turquia e África do Sul. Os sistemas desses países figuram entre os que mais transportam passageiros por ônibus urbanos no mundo.


Publicidade


Leia Também:
Anterior:

Próxima:

Publicidade