Publicidade

GP Crystal leva Fórmula Truck pela 17ª vez ao autódromo de Goiânia. Dez pilotos da categoria já venceram corridas no Autódromo Internacional Ayrton Senna, palco da etapa final da temporada de 2014

A 19ª temporada do Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck conhecerá seu campeão no dia 7 de dezembro. A etapa final terá em disputa o GP Crystal e levará a competição a Goiânia (GO) pela 17ª vez – o circuito do Autódromo Internacional Ayrton Senna só não recebeu a categoria dos caminhões mais velozes do mundo nos campeonatos de 2006 e 2010. Em 16 edições realizadas, foram 10 os pilotos que conquistaram vitórias na etapa goiana.

Atuando desde 2013 apenas como chefe de equipe da já campeã RM Competições/MAN Latin America, Renato Martins é o recordista de vitórias no traçado de 3.835 metros do autódromo goiano, onde esteve no topo do pódio três vezes. O paulista foi primeiro colocado nas edições de 1996 e 1998, época em que pilotava caminhões da Scania, e repetiu o resultado em 2001, já com um Volkswagen, marca representada pela RM até os dias de hoje.

Quatro dos 26 inscritos venceram a etapa duas vezes. Djalma Fogaça, piloto da DF Racing Fans, ganhou em 1997, com um Volvo, e em 2003, com Ford. Roberval Andrade, da Ticket Car-Corinthians, ganhou em 2002 e 2008, sempre com Scania. Wellington Cirino é outro com duas vitórias, 2005 e 2011, com o Mercedes-Benz da ABF-Santos. Valmir “Hisgué” Benavides, hoje piloto da Scuderia Iveco, levou caminhões Volkswagen à vitória em 2007 e 2009.

Dois vencedores da etapa goiana não competem mais – o paranaense Osvaldo Drugovich, que ganhou com Scania em 1997, e o gaúcho Jorge Fleck, de Volvo, em 1999. Também já venceram a etapa o pernambucano Beto Monteiro, da Scuderia Iveco, em 2004, com Ford; o paranaense Leandro Totti, atualmente na RM, em 2012 Mercedes-Benz; e o brasiliense Geraldo Piquet, que levou o Mercedes-Benz da ABF-Santos à vitória no ano passado.

A Fórmula Truck destaca em Goiânia a disputa entre Totti e o paulista Felipe Giaffone pelo título de 2014. A vantagem é do paranaense, que venceu seis corridas e depende de um sexto lugar na corrida para repetir o título que conquistou em 2012. Giaffone busca seu quarto título brasileiro e, além de depender de resultados combinados, tem um “tabu” a derrubar: a pista de Goiânia é a única do calendário onde nunca venceu pela Fórmula Truck.

GP DE GOIÂNIA – TODAS AS POLES E VITÓRIAS

18 de agosto de 1996
Pole: Sérgio Drugovich (Scania); vitória: Renato Martins (Scania)

26 de outubro de 1997
Pole: Djalma Fogaça (Volvo); vitória: Osvaldo Drugovich Júnior (Scania)

13 de dezembro de 1998
Pole: Osvaldo Drugovich Júnior (Scania); vitória: Renato Martins (Scania)

21 de novembro de 1999
Pole: Osvaldo Drugovich Júnior (Scania); vitória: Jorge Fleck (Volvo)

7 de maio de 2000
Pole: Djalma Fogaça (Ford); vitória: Djalma Fogaça (Ford)

6 de maio de 2001
Pole: Roberval Andrade (Scania); vitória: Renato Martins (Volkswagen)

5 de maio de 2002
Pole: Beto Monteiro (Ford); vitória: Roberval Andrade (Scania)

16 de março de 2003
Pole: Djalma Fogaça (Ford); vitória: Djalma Fogaça (Ford)

6 de junho de 2004
Pole: Wellington Cirino (Mercedes-Benz); vitória: Beto Monteiro (Ford)

10 de abril de 2005
Pole: Renato Martins (Volkswagen); vitória: Wellington Cirino (Mercedes-Benz)

16 de setembro de 2007
Pole: Valmir Benavides (Volkswagen); vitória: Valmir Benavides (Volkswagen)

6 de abril de 2008
Pole: Felipe Giaffone (Volkswagen); vitória: Roberval Andrade (Scania)

14 de junho de 2009
Pole: Roberval Andrade (Scania); vitória: Valmir Benavides (Volkswagen)

5 de junho de 2011
Pole: Roberval Andrade (Scania); vitória: Wellington Cirino (Mercedes-Benz)

3 de junho de 2012
Pole: Leandro Reis (Scania); vitória: Leandro Totti (Mercedes-Benz)

9 de junho de 2013
Pole: Wellington Cirino (Mercedes-Benz); vitória: Geraldo Piquet (Mercedes-Benz)


Publicidade


Leia Também:
Anterior:

Próxima:

Publicidade