Biodiesel pode melhorar a qualidade de vida da população nas grandes cidades

Anúncios Ecompare

Sensibilizar os prefeitos das maiores cidades brasileiras quanto aos benefícios do uso de B20 na frota urbana dos ônibus, o chamado B20 Metropolitano, é a proposta do Seminário “B20 Metropolitano – Mobilidade Sustentável para as Cidades Brasileiras”, que acontece em Brasília, no dia 21 de maio. A discussão é uma promoção da Ubrabio (União Brasileira do Biodiesel e Bioquerosene), em parceria com a Embrapa Agroenergia, que atuam em conjunto para incentivar o uso de biodiesel no País.

Ônibus movido com biodiesel B20O B20, ou seja, a mistura de 20% de biodiesel no diesel fóssil a ser utilizado pelas frotas de ônibus dos grandes centros do país representa benefícios para toda a população, um projeto que vem sendo incentivado pela Ubrabio desde sua fundação, em 2007.

“No Seminário pretendemos sensibilizar os prefeitos das maiores cidades brasileiras quanto aos benefícios do uso de B20 na frota urbana dos ônibus, o chamado B20 Metropolitano”, salientou o diretor superintendente da Ubrabio, Donizete Tokarski. “Montamos uma programação que trata da qualidade e distribuição do biocombustível, um caso prático de exemplos falando das vantagens do uso em frotas urbanas e a relação do transporte urbano com a saúde pública”, destacou Donizete.

Por isso, autoridades vinculadas aos setores de Mobilidade Urbana, Meio Ambiente e Saúde Pública, além de gestores de áreas diretamente relacionadas à sustentabilidade do Brasil estão sendo convidadas a participar.

Anúncios Ecompare

Um dos benefícios desse biocombustível é ser limpo e renovável isento de enxofre (S). O seu uso tem ação efetiva na redução de emissões de Gases do Efeito Estufa e, consequentemente, na qualidade de vida das pessoas nas cidades brasileiras.

Curitiba, Salvador e Rio de Janeiro estão na lista das cidades que assinaram a Declaração do C40 (Cities Climate Leadership Group) de Intenções para Ônibus Urbanos Limpos, em março deste ano. O documento foi assinado pelos prefeitos de 20 municípios latino-americanos que compõem o grupo formado pelas maiores cidades do mundo para implementação de ações sustentáveis e de combate ao aquecimento global.

“Está claro que reduzir a queima de combustíveis fósseis contribui para alcançar os objetivos mundiais para manutenção da vida no planeta. E o biodiesel é um forte vetor nacional nesse sentido de transição para o desenvolvimento de baixo carbono”, explica Juan Diego Ferrés, presidente do Conselho Superior da Ubrabio.

Guy de Capdeville, chefe de Pesquisa e Desenvolvimento da Embrapa Agroenergia, também reforça os benefícios do uso de biocombustíveis. “Além de gerarmos emprego no campo com a produção da biomassa e nas indústrias com a sua transformação em combustíveis renováveis, também podemos gerar outros produtos. No caso da cadeia do biodiesel, os resíduos gerados após a extração do óleo podem ser convertidos em inúmeros produtos de valor agregado, incluindo outros tipos de biocombustíveis, como bioquerosene de aviação, químicos finos (moléculas utilizadas na fabricação de medicamentos, novos biomateriais (plásticos biodegradáveis, novos tipos de papel, etc.), além de ração para nutrição animal.

O próprio óleo de fritura, utilizado em bares, restaurantes e nas residências é um resíduo que se torna um problema nas cidades, principalmente quando descartados de forma inadequada. Este óleo que se apresenta como um passivo ambiental pode ser convertido em biodiesel, utilizado para abastecimento nas frotas de veículos urbanos e agrícolas e para geração de energia elétrica.

“Juntos, as prefeituras, os produtores rurais, a população, as instituições de pesquisas, as industriais e com apoio dos governos federal e estadual e do legislativo, podemos ajudar o Brasil a ser referência na geração de energia renovável. E o uso do B20 no transporte urbano será um grande salto para essa iniciativa, colocando o País em uma posição de vanguarda pela sua preocupação com a sustentabilidade ambiental”, destaca Guy de Capdeville.

Sobre a Ubrabio

A União Brasileira do Biodiesel e Bioquerosene (Ubrabio) é uma associação sem fins econômicos que representa nacionalmente toda a cadeia produtiva desses biocombustíveis. Desde sua criação, em 2007, a entidade lidera o segmento e atua como interlocutora entre sociedade e governo para mobilizar e unir esforços, recursos e conhecimentos na busca pelo desenvolvimento do setor.

Sobre a Embrapa Agroenergia

Localizada em Brasília-DF, a Embrapa Agroenergia, uma das 46 unidades da Embrapa que é vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento atua na pesquisa, desenvolvimento e inovação de processos de conversão da biomassa em biocombustíveis e diversos outros produtos de valor agregado na lógica de biorrefinarias, promovendo a sustentabilidade das cadeias produtivas da agroenergia no Brasil. Também desenvolve estudos de genética e biotecnologia de culturas agrícolas com potencial energético e explora a biodiversidade brasileira buscando microrganismos que possam transformar a biomassa em diversos produtos úteis à sociedade.

Serviço:

Seminário B20 Metropolitano – Mobilidade Sustentável para as Cidades Brasileiras

Quando: 21 de maio de 2015 (quinta-feira), das 9h às 14h

Onde: Centro de Eventos Brasil 21 – Complexo Brasil 21. SHS Quadra 06, Lote 01, Conjunto A, Setor Hoteleiro Sul. Brasília-DF.

Inscrições: as solicitações devem ser feitas pelo email evento@ubrabio.com.br


Publicidade


Leia Também:
Anterior:

Próxima: