Publicidade

Nova Ford Ranger chega ao mercado brasileiro nas versões flex e diesel com 5 anos de garantia

A Ford reuniu a imprensa latino-americana para o lançamento da Nova Ranger 2017, como parte de um investimento de 220 milhões de dólares na região. Disponível nas versões flex e diesel de última geração e com cinco anos de garantia, inédita no segmento, a nova picape foi apresentada na cidade argentina de Puerto Iguazu, na província de Misiones, na fronteira com o Brasil.

As versões flex, com motor 2.5, têm preços de R$99.500 a R$109.500. Os modelos diesel têm as opções de motorização 2.2 ou 3.2, com preço a partir de R$129.900 até R$179.900, na topo de linha, com itens exclusivos de tecnologia.

A Nova Ranger 2017 é a primeira picape do Brasil a oferecer cinco anos de garantia. Traz ainda um novo plano de manutenção anual com preço fixo que a coloca como a picape média de melhor custo-benefício. Dispõe dos catálogos de acabamento XLS, XLT e Limited e destaca-se pelo aprimoramento no design externo, novo interior e conjunto avançado de segurança.

Venda especial
Nova Ford RangerComo oferta especial de lançamento da Nova Ranger, a Ford criou duas ações diferenciadas. No programa de pré-venda exclusivo, os proprietários da Ranger de ano-modelo 2013 a 2016 podem adquirir a nova picape com desconto de 11%. As reservas podem ser feitas nos Distribuidores Ford a partir de 9 de abril, para entrega a partir de maio. A cota inicial disponível para este programa é de 350 unidades, sujeito à disponibilidade. A compra inclui uma cláusula de inalienabilidade pelo prazo de seis meses e outra exigência é que a transferência do carro usado tenha sido realizada até o dia 8 de abril de 2016.

Outra opção é o Plano Sazonal Ranger, criado para atender principalmente as necessidades dos produtores rurais. Ele é válido para as versões diesel da Nova Ranger, com pagamentos semestrais em três anos e taxa de 6% ao ano, mais entrada de 54%.

Tecnologias exclusivas
Todos os modelos da Nova Ranger vêm de série com sete airbags, rodas de liga leve, faróis de neblina, computador de bordo, piloto automático, sistema Isofix para cadeiras infantis e sistema Advance Trac – com controle eletrônico de estabilidade, controle eletrônico de tração, assistente de partida em rampa, controle eletrônico anticapotamento, controle adaptativo de carga e assistência de frenagem de emergência.

Também é a primeira do segmento com direção elétrica, que reduz o esforço em manobras e aumenta a firmeza na estrada. As versões diesel trazem ainda controle automático de descida, diferencial traseiro blocante, protetor de cárter e protetor do tanque de combustível.

A versão XLT incrementa o visual com estribos laterais, santantônio tubular e vários itens cromados – grade do radiador, grade do para-lama, faróis, capas dos retrovisores, maçanetas e para-choque traseiro. Acrescenta também ar-condicionado automático e digital com controle individual para o motorista e passageiro, bancos e volante revestidos em couro, sensor de estacionamento traseiro, monitoramento de pressão dos pneus e chave programável MyKey.

A topo de linha Limited vem recheada de tecnologias exclusivas. Tem piloto automático adaptativo, alerta de colisão, sistema de permanência em faixa, farol alto automático e sistema de personalização da luz ambiente em sete cores, além de santantônio com desenho exclusivo, rodas aro 18, bagageiro de teto, protetor de caçamba e capota marítima.

Conectividade
A linha também vem de série com sistema de conectividade SYNC, com CD/MP3-player, entrada USB/iPod, Bluetooth, comandos de voz para áudio e telefone, comandos de áudio no volante e Assistência de Emergência, que faz uma ligação automática para o SAMU, através de um celular pareado, em caso de acidente com acionamento dos airbags ou corte de combustível.

A tela é de 4,2 polegadas na versão XLS e de 8 polegadas para a XLT e Limited, que incluem também navegação e duas telas de 4 polegadas no painel de instrumentos que podem ser configuradas pelo motorista.

Eficiência todo-terreno
A Nova Ranger traz aprimoramentos que tornam ainda melhor o seu conhecido desempenho em qualquer terreno, com capacidade de carga de 1 tonelada. Nos dois motores Diesel, 3.2 e 2.2, os avanços incluem bicos injetores piezoelétricos e novos turbocompressores, para aumentar a eficiência e economia.

O motor Duratorq 3.2 TDCi, de cinco cilindros, continua a ser o mais forte da categoria, com 200 cv e 470 Nm. O Duratorq 2.2 TDCi aumentou a potência para 160 cv e o torque para 385 Nm. O Duratec 2.5 Flex, de 173/168 cv, traz sistema eletrônico de partida Ford Easy Start, que dispensa o tanquinho auxiliar de gasolina.
Todas as versões diesel vêm com tração 4×4 nas opções normal (High) e reduzida (Low), diferencial traseiro blocante, que aumenta a capacidade de vencer obstáculos.

Imponente e refinada
O visual da Nova Ranger ficou mais moderno e imponente, com grade dianteira trapezoidal – assinatura da linha global Ford –, capô esculpido com novos vincos e faróis com projetores.

O interior cria um ambiente moderno e confortável, com materiais de qualidade especialmente selecionados em função das características de durabilidade e estilo da nova picape. As novidades incluem também o painel em formato de barra horizontal e o volante, de estrutura forte e excelente empunhadura. Os bancos têm um desenho que privilegia o conforto, com comandos elétricos em oito posições na versão Limited.

Projeto global
A nova picape é resultado de um projeto global que reuniu a experiência de engenharia da Ford e a rodagem de mais de 1 milhão de quilômetros de testes nos mais diversos tipos de terreno em diferentes regiões do mundo. Além da América do Sul, a linha hoje é produzida na Índia, África do Sul, China e Tailândia para mais de 180 mercados mundiais.

“A Nova Ranger é um divisor de águas, um produto evoluído e completo”, diz Guy Rodriguez, diretor de Marketing, Vendas e Serviços. “Ela foi desenvolvida para ser a picape média mais forte, robusta, capaz e confiável do segmento, com os atributos que o consumidor quer em termos de segurança, dirigibilidade, conforto e tecnologia.”


Publicidade


Leia Também:
Anterior:

Próxima:

Publicidade