Publicidade

CCR MSVia e ANTT apoiam campanha pelo uso do cinto de segurança em ônibus

A CCR MSVia e a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) apoiam campanha pelo uso do cinto de segurança pelos passageiros de ônibus rodoviários em Mato Grosso do Sul. A campanha é uma ação da Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos (Agepan) e do Governo do Estado de MS e conta com as parcerias do Ministério Público Federal-Procuradoria da República/MS; da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e do Observatório Nacional de Segurança Viária.

A proposta é utilizar folhetos, cartazes e faixas no terminal rodoviário de Campo Grande, capital do estado, e de algumas cidades do interior e pontos de grande fluxo de passageiros, além de spots radiofônicos e vídeos veiculados pela TV e pela Rádio Educativa estaduais. A CCR MSVia afixou faixas da campanha em pontos estratégicos da BR-163/MS.

Cinto de Segurança em ônibusSegundo Fausto Camilotti, gestor de Atendimento da CCR MSVia, manter o cinto afivelado nos ônibus precisa ser transformar em hábito dos brasileiros, mudança de comportamento fundamental para minimizar os riscos em casos de acidentes.

“Motoristas e passageiros de veículos de passeio já aderiram ao uso de cinto, o que tem permitido reduzir a gravidade dos acidentes”, diz Camilotti. “Nosso desafio, agora, é conscientizar os passageiros de ônibus a usarem o cinto de segurança desde a hora em que embarcam e se acomodam nos ônibus, até o final da viagem”.

Conheça as dicas destacadas no folheto da campanha

O objetivo do cinto de segurança é manter o passageiro protegido em sua poltrona;

Em uma colisão, o passageiro sem cinto pode ser arremessado até mesmo para fora do veículo;

Uma pessoa de 70 kg, na colisão, é projetada para frente com um peso correspondente a 350 kg;

Passageiro que usa o cinto de segurança tem 7 vezes mais chance de escapar vivo em um acidente;

Passageiro que não usa o cinto coloca em risco, além da sua vida, a vida de outros passageiros e

O uso do cinto de segurança é obrigatório durante toda a viagem.


Publicidade


Leia Também:
Anterior:

Próxima:

Publicidade