Publicidade

Diagnóstico aponta soluções para aprimorar o sistema metropolitano de transporte coletivo

Readequação de linhas e horários dos coletivos que atendem a Região Metropolitana de Curitiba é a principal necessidade detectada em um diagnóstico realizado pela empresa de consultoria Sitplan, contratada pela Associação Metrocard. O objetivo do trabalho foi detectar pontos de ajuste e buscar soluções para melhorar ainda mais o funcionamento do transporte coletivo. O levantamento começou em março do ano passado e analisou dados gerados pelos sistemas eletrônicos de bilhetagem e monitoramento da frota via GPS.

De acordo com Lessandro Zem, presidente da Associação Metrocard (que congrega as empresas do transporte coletivo que atendem a Região Metropolitana de Curitiba/RMC), para desenvolver o estudo a empresa de consultoria partiu de uma análise do comportamento de 228 linhas do sistema metropolitano de 20 municípios, utilizadas diariamente por cerca de 300 mil passageiros. “Com os resultados em mãos, pretende-se retirar eventuais ociosidades e modernizar as flexibilizações de horários, com uma oferta de transporte de acordo com a demanda. Assim, estimamos que poderá ter uma economia no custo operacional de 7% a 10% e, com isso, caso o projeto seja aprovado pelo poder público, haverá redução da dependência do aumento de subsídios do poder público”, afirma.

A Sitplan utilizou para o levantamento os dados de monitoramento de frota por GPS e de bilhetagem eletrônica fornecidos por 18 empresas que operam em 16 cidades em 15 dias de operação, totalizando 16 mil viagens por dia. A Sitplan realizou um trabalho de contagem de embarques e desembarques nos terminais e nas estações tubo em parceria com o pessoal do tráfego das garagens, que conhece a fundo as demandas dos passageiros.

“Os resultados do levantamento também apontam a necessidade de padronização de todas as linhas que operam o sistema metropolitano, elevando a produtividade e a qualidade, evitando congestionamento e superlotação com a adequação de partida e de chegada”, finaliza Zem.


Publicidade


Leia Também:
Anterior:

Próxima:

Publicidade