Publicidade

Cummins Brasil comemora crescimento de 14 novas aplicações na Agrale

A Cummins Brasil amplia fornecimento de motores para a Agrale, conquistando 14 novas aplicações desde 2011. Atualmente, a fabricante de motores detém cerca de 75% de todo o volume nas aplicações automotivas da Agrale e comemora crescimento significativo após entrada do Euro V no mercado brasileiro, em 2012.

A presença da Cummins em território nacional em 2011 era de 5%, sendo que o salto ocorreu no ano seguinte (2012) para 57% de participação dentro da Agrale. Os novos fornecimentos também fizeram com a Cummins registrasse crescimento na Argentina; em 2016, o marketshare da Cummins neste país cresceu de 0% para 13%.

Motor Cummins “Nossa jornada mais agressiva com a Agrale teve início após introdução do Euro V, quando passamos a equipar com nossas motorizações mais duas aplicações dentro da gama de ônibus da Agrale. Os chassis V5/V6 e V8 receberam o Cummins ISF 3.8, atualmente produzido em Guarulhos (SP)”, diz Gregori Boschi, supervisor de Vendas da Cummins Brasil.

Entre 2014 e 2015, mais quatro novas aplicações, desta vez com expansão para o mercado de caminhões. O modelo 10.000 assim como os chassis de ônibus MT 9W (veículo de acesso), MA 9.6 e MA 10.000 ganharam novas motorizações também ISF 3.8. Vale acrescentar que nesse mesmo período, a Cummins também ampliou o fornecimento de motores ISF 2.8 também para novas versões do Marruá, lançadas na ocasião pela Agrale.

“A Agrale é um cliente potencial para nós e não medimos esforços para atender a todas as suas aplicações, dedicando nossa expertise em produzir os melhores produtos customizados com a grande vantagem de possuirmos a solução integrada de motor, turbos e sistemas de pós-tratamento”, diz Mauricio Rossi, diretor de Vendas da Cummins e BUPA.

Como resultado de um trabalho dedicado, a Cummins em 2013 foi reconhecida com a premiação promovida pela Agrale aos seus fornecedores como “Melhor dos Melhores”. No ano passado, também realizou a entrega de um total de 2.200 unidades de motores para Agrale entre Brasil, Argentina e Colômbia.

Argentina e Colômbia – Após a entrada do Euro V na Argentina no ano passado, a Cummins iniciou sua trajetória de fornecimento à Agrale e atuação deste segmento, alcançando 100% da gama de ônibus neste país. Os modelos de chassi MT 13, MT 15, MT 17 e MT 27 agora são equipados com motorização Cummins ISBe 4.5 e ISBe 6.7, produzidos no Brasil, incluindo ainda o propulsor ISL 8.9 exclusivo para ônibus articulado.

Para suportar o cliente e atender com agilidade, o Distribuidor Cummins Dicumar, localizado na Argentina, foi nomeado como responsável pelas vendas das novas motorizações, além do pós vendas da nova frota circulante, garantindo mão de obra qualificada e disponibilidade de peças. Na Colômbia, os chassis de ônibus MA 11 e MT 17 também são equipados agora com os motores ISB 6.7 e ISL 8.9, respectivamente.

Um time dedicado e um programa interno integrado e multifuncional foi a chave para o sucesso com o cliente. “A motorização ISB 4.5, por exemplo, exportada para a Argentina foi customizada para receber um ganho de potência, gerando atuais 204 hp contra 186 hp da versão original, além de modificações na turbina para atender características especificas das aplicações e mercado”, comenta Boschi.

O primeiro ônibus articulado da Agrale em circulação na Argentina que estreou com motorização ISL 8.9 recebeu um compressor bi-cilindrico devido a demanda específica da aplicação. “Desde a implantação do Euro V no Brasil, crescemos de quatro para 21 aplicações dentro da Agrale entre os mercados brasileiro, argentino e colombiano”, comemora Boschi.


Publicidade


Leia Também:
Anterior:

Próxima:

Publicidade