Cresce o número de compradores nos Feirões Auto Show. Tendência de aumento da procura por carro usado segue em alta com saque das contas inativas

O Feirão Auto Show, tradicional ponto de compra e venda de veículos organizado pela Matel Produções no estacionamento do Anhembi, registra um crescimento de 40% no número de compradores presentes no evento. Nas cinco primeiras edições do evento realizadas este ano, foram R$ 60 milhões de negócios gerados a cada semana, um total R$ 300 milhões em compra e venda de carros usados. No mesmo período de 2016, o total de negócios chegou a R$ 50 milhões por semana, média verificada em praticamente todo o ano. 3

Os dados são fornecidos pela rede de despachantes presentes no evento, e com os dados de ingresso de compradores presentes nos eventos da Matel Produções. Só nos últimos domingos, cerca de 400 veículos são transacionados só nos despachantes presentes no evento a cada semana.

“Os números mostram o bom momento dos carros usados, e também uma volta, ainda que discreta, da confiança do consumidor em comprar bens de maior valor agregado. O ano passado foi bom para o mercado de seminovos, mas as vendas de janeiro nos surpreenderam pois além dos negócios fechados aos domingos, muita gente concretiza a compra e a venda durante os dias seguintes ao Feirão Auto Show”, explica Eduardo Ribeiro dos Santos, diretor da Matel e organizador do evento.

Programa Feirão Auto Show pelo facebook supera 100 mil visualizações

Relançado em 2016, o “programa Feirão Auto Show”, que retoma o formato de programa lançado pela própria Matel nos anos 1980 com a transmissão de ofertas pela televisão, também registrou alta na audiência média aos domingos, das 10h às 11h. Iniciado em agosto com média de 50 mil expectadores, a transmissão fechou o ano com 90 mil visualizações e nas primeiras semanadas de 2017 registrou 120 mil views. O programa está disponível pela fan page do Feirão Auto Show em www.facebook.com.br/feiraoautoshow

Pioneiro nos anos 1980, o Programa do Carro foi o primeiro programa semanal sobre carros a ser exibido na TV brasileira. Transmitido pela TV Gazeta, o programa se tornou referência para outros produtos onde o apresentador fala sobre as ofertas de veículos. A partir de 2002, o Programa do Carro se tornou Auto Show TV, usando a nova marca da Matel Produções, mas deixou de ser exibido pela televisão em 2012 pois o formato já estava superado pelas mídias online.

“A partir das ferramentas de transmissão online, que hoje permitem a conexão de milhares de pessoas simultaneamente em um mesmo canal, relançamos o programa que, assim como nosso evento, já se tornou referência no varejo automotivo”, explica Eduardo Ribeiro dos Santos, diretor da Matel Produções, empresa que organiza o Feirão Auto Show desde o início.

Histórico de 40 anos

O Feirão Auto Show no Anhembi tem uma história de sucesso associada ao estilo paulistano de comprar e vender carros diretamente entre pessoas físicas. Em 1972, o empresário Walter Ribeiro dos Santos iniciou o evento na praça Charles Miller reunindo público e comerciantes em um programa gravado em frente ao estádio com o nome “Feira Livre do Automóvel”. O sucesso do formato, pioneiro na década de 1970, passou para o estacionamento do Anhembi em 1980, já que a praça já não comportava mais a quantidade de veículos no local. Ao longo dos anos, o classificado pela televisão deu origem ao primeiro programa de televisão transmitido ao vivo, com matérias sobre lançamentos de veículos, entrevistas e serviço. No final dos anos 1990 o classificado pela televisão ganhou a internet como aliada, e deu origem à marca Auto Show, aposentando a Feira Livre do Automóvel. Em 2012 o Auto Show se tornou um portal de veículos na interne unindo o classificado online ao tradicional feirão, que tem mais de quatro décadas de sucesso como referência no varejo automotivo.

Mais...


Leia Também:
Anterior:

Próxima: