Publicidade

BMW Group revisa suas inovações históricas no Techno Classica 2017

O BMW Group apresentará uma nova perspectiva sobre as suas inovações ao longo da história automotiva na 29ª edição da feira Techno Classica, que ocorre entre os dias 5 e 9 de abril na cidade de Essen, na Alemanha. Os visitantes da maior exposição de carros clássicos do mundo poderão conferir a trajetória dos 40 anos do BMW Série 7, os 30 anos dos motores 12 cilindros da BMW, os 30 anos do BMW Z1 e 12 veículos pioneiros dos anos 1936 a 1995, que serão mostrados sob o lema “Nosso DNA: Inovação”.

Série 7: 40 anos de luxo e prazer de dirigir

A edição deste ano do evento marca os 40 anos do BMW Série 7. Até o ano de 1977, o “Grand Series” era a epítome da esportividade e luxo na linha de modelos da marca. A nomenclatura usada atualmente nos modelos mais sofisticados da marca também era usada nos modelos mais luxuosos naqueles tempos. A inclusão do número 7 ao nome do veículo, que já está na sexta geração, representa o prazer de conduzir um veículo que está no topo da exclusividade, luxo e inovação da indústria automotiva.

BMW Z1

Os visitantes da Techno Classica poderão ver relíquias como a segunda geração do BMW Série 7 estilizada pelo designer alemão Karl Lagerfeld, um exemplar que participou das gravações do filme “007 – O Amanhã Nunca Morre”, um protótipo equipado com motor de 16 cilindros e o último modelo mais sofisticado da linha, o BMW M760Li xDrive.

O primeiro modelo alemão de 12 cilindros do período pós-guerra

Há 30 anos, uma inovação sensacional que abriria novos horizontes foi escondida sob o capô do motor da segunda geração do BMW Série 7. O BMW 750i, lançado em 1987, teve o primeiro motor de doze cilindros produzido por uma montadora alemã de carros no pós-guerra. O propulsor tinha 5 litros e 300 cv de potência máxima, provocando fascínio desde o início. O funcionamento suave do motor, por sua vez, abriu caminho para a marca atingir aspiração à liderança no segmento de luxo.

Desde então, o motor de 12 cilindros continua representando o ápice em relação à potência e silêncio na rodagem. Exatamente 30 anos desde a sua estreia, a última geração do propulsor tem uma interpretação distinta da esportividade, agora alinhada à praticidade cotidiana e ao conforto irrestrito para longas viagens. O motor 6,6 litros de 12 cilindros montado no BMW 760Li xDrive (consumo de combustível de 12,8l/100 km) tem 610 cv de potência e acelera de 0 a 100 km / h em apenas 3,7 segundos.

BMW Z1 roadster: apresentado 30 anos atrás

Em 1987, a BMW apresentou não só o BMW 750iL com motor de 12 cilindros no International Motor Show (IAA), mas também o BMW Z1 roadster. O modelo de dois lugares, motor dianteiro, portas retráteis, painéis de plástico e monocasco de aço foi desenvolvido pela divisão “BMW Technik GmbH”, dedicada ao desenvolvimento e pesquisa de novas tecnologias. Na época, os especialistas em inovações em pesquisa e tecnologia conceberam o BMW Z1 como um projeto piloto para testar novas estruturas e materiais para veículos. Ao mesmo tempo, eles seguiram a tradição da marca com roadsters icônicos, a qual tinha sido negligenciada desde o lendário BMW 507.

O BMW Z1 teve uma recepção calorosa em sua estreia. E as primeiras unidades para testes confirmaram a impressão transmitida pelo design. O roadster tinha uma agilidade excepcional graças ao motor em linha de seis cilindros que produzia 170 cv, ao chassi de alta qualidade e à distribuição equilibrada de peso nos eixos. Entre 1988 e 1991, foram produzidas cerca de oito mil unidades da BMW Z1. Hoje, cada uma delas é considerada item de colecionador.

Quatro décadas da divisão Motorsport

O BMW Group também celebra um marco em sua história esportiva: a fundação do BMW Junior Team, em 1977. A BMW Motorsport GmbH transformou um pioneiro conceito em apoiar jovens pilotos talentosos ao montar sua equipe. A primeira geração da BMW Juniors incluiu o suíço Marc Surer, o alemão Manfred Winkelhock e o norte-americano Eddie Cheever. Mais recentemente, o programa de desenvolvimento júnior da BMW tem sido um trampolim para a carreira profissional de jovens pilotos — entre eles os campeões do mundo de Fórmula 1 Sebastian Vettel e Nico Rosberg, além dos campeões alemães de corridas de Carro de Turismo, Marco Wittmann e Martin Tomczyk.

A maior vitória da divisão na história da marca MINI também será comemorada na feira. Há 50 anos, o piloto de corridas finlandês Rauno Aaltonen alcançou a vitória geral no clássico Mini no Monte Carlo Rally. Em janeiro de 1967, Aaltonen cruzou a linha de chegada em Mônaco a bordo do seu Mini Cooper S com extrema bravura. Depois de 1964 e 1965, o pequeno carro do Reino Unido havia sido elevado ao status de queridinho do público. Foi a terceira vez que o MINI teve sucesso na competição.

Carros clássicos, seus proprietários e suas histórias

Além dos aniversários especiais deste ano, o BMW Group Classic também mostrará diversos outros veículos raros de todas as épocas das histórias da BMW, MINI, Rolls-Royce e BMW Motorrad. A excepcional variedade de modelos se deve aos esforços conjuntos dos Clubes da BMW e MINI, que mais uma vez tiveram papel fundamental para reunir tantos veículos históricos.

A dedicação irrestrita à engenharia e à tradição fazem dos membros desses clubes verdadeiros embaixadores de cada marca. Eles demonstram todo o seu entusiasmo a partir do compromisso em cuidar de seus preciosos tesouros e da sua vontade em compartilhar seu conhecimento com os recém-chegados ao universo dos carros clássicos. A paixão deles é traduzida em emocionantes histórias de descoberta, restauração e (naturalmente) condução de carros clássicos — conteúdo esse que compõem o “Club Stories”, que são recontados no Techno Classica 2017. Essas histórias fornecem uma ideia do prazer em ser apaixonado por carros históricos.

Perspectiva: BMW Group Classic apresenta o programa do Concorso d’Eleganza Villa d’Este 2017

Neste ano, o Concorso d’Eleganza Villa d’Este vai atrair novamente proprietários e fãs de belezas de duas e quatro rodas para o Lago de Como, no norte da Itália, entre 26 e 28 de maio de 2017, quando ocorrerá o mais tradicional e exclusivo concurso de beleza de motos e carros clássicos do mundo.

O tema será “Pelo Mundo em 80 dias – Viagem por meio de uma Era de Recordes” e conectará o início da história do automóvel com o passado recente. Nesse ponto, os carros conceitos e protótipos também representam o presente e o futuro na construção de automóveis. Os carros históricos aceitos para a competição concorrem em 8 categorias e serão avaliados por um júri internacional e pelo público em geral. As motos clássicas, por outro lado, competem em cinco categorias e também em uma exposição especial.


Publicidade


Leia Também:
Anterior:

Próxima:

Publicidade