Publicidade

Componentes para carros elétricos devem representar metade da receita das marcas Kolbenschmidt (KS) e Pierburg até 2020

Com mais de 100 anos no desenvolvimento de componentes motor, a Rheinmetall Automotive com as marcas KS Kolbenschmidt e Pierburg e operações em todos os continentes, está acompanhando a evolução das novas tecnologias e a estimativa é que em 2020 metade do faturamento será oriundo de produtos para carros elétricos.

Em 2018, a empresa iniciará a produção de componentes para caixas de bateria de alumínio fundido para carros elétricos. Os componentes de aproximadamente nove quilos serão utilizados para as células de bateria de dois veículos elétricos, um SUV e um Sedan Esportivo, todos destinados ao mercado europeu.

A empresa também desenvolve outros sistemas para motores elétricos, entre eles, extensores REX, que faz parte de um sistema que prolonga a quilometragem sem precisar recarregar a bateria.

“As mudanças que ocorrerão na indústria automobilística nos próximos anos serão transformadoras para acompanhar o conceito de mobilidade individual no mundo. Novos modelos de mobilidade urbana surgem e se tornarão realidade em pouco tempo, será a maior mudança da história da indústria automobilística. Com isso surgem desafios, mas também oportunidades para empresas que investem no desenvolvimento de novas tecnologias. Os produtos terão maior valor agregado e será possível dobrar o faturamento por veículo devido à complexidade dos sistemas. Mas, por outro lado, será necessário desenvolver novos fornecedores. Trata-se de um novo formato de negócio que está em desenvolvimento e é fundamental fazer parte deste processo para continuar a atender as montadoras”, afirma o Diretor Geral da Motorservice, Claus von Heydebreck.

A Kolbenschmidt (KS) desenvolve também muitas soluções para motores a combustão interna para garantir eficiência e redução de consumo e emissões. Existe um forte apelo ambiental e as montadoras precisam cumprir as exigências mundiais. Os pistões estão cada vez mais leves, com performance aprimorada que confere melhora da combustão. A marca que já produz pistões de aço para a linha pesada, iniciará a produção para a linha leve também. Há bronzinas polímero-metálicas que trazem vários benefícios na produção.

A marca Pierburg possui inovações relacionadas à mecatrônica, como o sistema de propulsão alternativa para motores híbridos e para veículos elétricos que precisam de combustão para auxiliar ou para estender a autonomia, além de bombas de óleo totalmente variáveis para produção em série. É especializada em controle de emissões, válvulas de estrangulamento e válvulas solenóides, contribuindo para o desenvolvimento de novas gerações de motores que proporcionam consumo reduzido de combustível, emissões mais baixas e maior desempenho, conforto e segurança.


Publicidade


Leia Também:
Anterior:

Próxima:

Publicidade