Publicidade

Conheça os tipos de proteção para o seu veículo e suas vantagens. Saiba como escolher a melhor opção

Se você comprou um veículo e sabe que o índice de roubo e furto está cada vez mais alto, opte pela proteção do seu bem e ande tranquilo com ele. Além disso, você não está livre de outros sinistros, como colisão, acidentes, entre outros. Mas contratando uma boa proteção para o seu veículo, você não precisa se preocupar com coisas do tipo onde estacionar, por exemplo. Conheça os tipos de proteção para o seu carro e fique seguro!

Qual o melhor tipo de proteção escolher para o meu veículo?
No mercado você vai encontrar algumas opções de proteção veicular, como rastreadores, seguro auto e proteção veicular. Veja a diferença entre esses três tipos de proteção para escolher a que oferece maior vantagem.

– Proteção veicular
Com a proteção veicular, o seu veículo estará protegido contra roubos e acidentes. Ao optar por esse tipo de proteção, o seu veículo deve passar por uma inspeção e assim que estiver tudo certo, você pagará uma taxa e, assinando o contrato, já conta com os serviços.
Diferente do seguro auto, já que a proteção veicular é por meio de cooperativas e não passa pelas regras da Susep, não possui apólice. Porém, é preciso que todos os associados assumam uma responsabilidade sobre o veículo, de forma a assumirem os riscos.

Além disso, o custo é mensal, onde o valor corresponde ao rateio pago no mês anterior para arcar com os sinistros, assim como também sobre a taxa administrativa. Os valores podem variar conforme as coberturas inclusas.

– Seguro auto
O seguro auto é oferecido por seguradoras credenciadas à Susep, onde você terá que fazer a cotação e seu veículo passará por uma inspeção. Após o serviço ser liberado pela seguradora, a apólice do seguro só começa a vigorar depois que você paga a primeira parcela.
É importante se atentar a apólice contratada, pois os serviços cobertos estão descritos nela, como os deveres e responsabilidades de ambas as partes (seguradora e segurado). Além disso, o valor do seguro varia muito, pois a seguradora irá avaliar informações referentes tanto ao motorista quanto ao veículo e seu uso.

Proteção para o carro- Rastreador
Optar por colocar um rastreador de carro não significa não adquirir um seguro para ele. Isso porque ele vai proteger o veículo apenas contra roubo, enquanto que um seguro auto, por exemplo, protege contra diversos outros sinistros. Como vantagem, ele barateia o custo de um seguro e por usar a tecnologia de localização via GPS, garante a localização do bem, em caso de roubo.

Além disso, garante a proteção do motorista e outros ocupantes do veículo, já que permite a localização do bem em caso de sequestro. Fora que, para empresas, o rastreador ainda ajuda a controlar o trajeto do motorista, verificando se o mesmo não sai da rota.
E mais! Seu preço é acessível para a instalação e monitoramento, não sendo preciso uma prévia avaliação do motorista e seu veículo.

Portanto, se você está na dúvida entre proteção veicular, seguro auto ou rastreador, faça uma análise das suas necessidades. Indicamos incluir o rastreador em ambas as escolhas, pois vai baratear as outras duas opções e sua segurança vai aumentar. Porém, escolha sempre o que suprir suas necessidades.

Por: Andreia Silveira, colaboradora do site Rastreadores.


Publicidade


Leia Também:
Anterior:

Próxima:

Publicidade