Publicidade

Táxis, frotas ou veículos particulares: qual a melhor opção para a sua empresa

Tempo de deslocamento, quantidade de viagens e custos são aspectos que devem ser levados em consideração na hora de escolher qual a melhor alternativa para o transporte de colaboradores.

O transporte de colaboradores para reuniões ou visitas a clientes, dentre outras necessidades, é um desafio para empresas que buscam otimizar o tempo dos profissionais e melhorar performance, tanto do ponto de vista produtivo como financeiro. Com isso, muitas companhias ficam na dúvida entre utilizar frotas próprias, táxis ou reembolsar colaboradores que utilizam veículo próprio.

Abaixo, Armindo Mota Jr, CEO da Wappa, plataforma de gestão líder de mercado entre clientes corporativos, analisa aspectos que fazem a diferença na decisão de cada gestor.

Custos: Normalmente, os custos mais elevados ocorrem com a opção pelas frotas próprias. Com exceção de empresas de transporte de carga, que muitas vezes têm em suas frotas um diferencial competitivo, outras empresas devem levar em consideração, não só a aquisição ou aluguel de veículos, mas também os gastos com impostos, combustível, seguro e manutenção dos automóveis. Em alguns casos ainda é preciso ter motoristas à disposição para fazer o transporte dos colaboradores, o que encarece ainda mais a conta. Empresas que optam pelos serviços de táxi ou transporte por motoristas particulares devem avaliar a gestão dos serviços. Investir em tecnologia para controle das corridas é uma forma prática e acessível de economizar, sendo que a economia costuma vir com o fim dos reembolsos. Este raciocínio também vale para o reembolso de colaboradores que utilizam veículo próprio, uma vez que, além de ressarcir quilômetro rodado, deve-se pagar pelo desgaste do veículo.

Rapidez: Especialmente nas grandes cidades, muitos profissionais realizam várias reuniões em um único dia, perdendo um tempo precioso no trânsito. Neste caso, os táxis são imbatíveis, pois têm a vantagem de percorrerem os corredores exclusivos de ônibus, diminuindo o tempo gasto no trânsito e garantindo mais produtividade na rotina do profissional. Além disso, quando usa-se frotas ou veículos próprios há o tempo de procura por vagas para estacionar. Outra vantagem dos táxis, neste caso, é a facilidade de ter sempre um veículo à disposição, sem que os colaboradores precisem combinar agendas.

Gestão: Mais uma vez, quando se fala em transporte, investir em tecnologia de gestão é essencial. É muito difícil para as empresas checar a veracidade das informações de reembolso solicitadas pelos colaboradores, as rotas que eles traçaram ou mesmo a quantidade de visitas. Além disso, gerenciar as notas de vários funcionários é trabalhoso e complicado, muitas vezes requer na manutenção de um departamento inteiro, com profissionais contratados especificamente para este trabalho. Com o uso de plataformas de gestão de transportes essas informações são reunidas e gerenciadas por um sistema, garantindo maior fidelidade das informações e simplificando os processos.

Segurança: As empresas têm a responsabilidade pela segurança dos colaboradores em horário de trabalho. Assim, a alternativa de que os profissionais dirijam os próprios veículos ou veículos da empresa é mais arriscada. Quando optam pelo uso de táxis, as empresas têm à disposição profissionais qualificados para atender os passageiros de forma eficiente e segura.

Sobre a Wappa

Com 15 anos de atuação, a Wappa é líder no mercado brasileiro de gerenciamento de despesas corporativas com táxi, tendo sido pioneira neste segmento e lançado o primeiro serviço do tipo no país em 2006. De origem 100% brasileira, a organização é a única a operar somente com taxistas regularizados e a oferecer uma plataforma de soluções capazes de atender o mercado corporativo de forma plena, possibilitando eficiência na redução de custos e otimização de processos – diferenciais que fazem da Wappa uma referência no assunto no Brasil.

Com atuação em todos os estados brasileiros e iniciativas no mercado internacional, a empresa atende cerca de 6000 clientes, possui 90 mil taxistas cadastrados e opera em mais de 700 cidades. Somente em São Paulo, 65% da frota de taxistas são prestadores de serviço Wappa (dados da ADETAX – Outubro de 2015).

Em 2015, a fim de ampliar seu portfólio de soluções corporativas, a Wappa direcionou investimentos às startups Expense Mobi – que gerencia despesas corporativas com quilômetros rodados por funcionários – e Vai Moto – que faz a gestão de entregas de encomendas através de serviços de motoboy –, que passaram a compor o Grupo Wappa.

Em 2016, a empresa lançou uma nova versão de seu aplicativo de corridas de táxi, voltada a pessoas físicas, que está disponível para download nas principais lojas de aplicativos e roda em Android, iOS e Blackberry.

Para mais informações sobre a Wappa, acesse www.wappa.com.br.


Publicidade


Leia Também:
Anterior:

Próxima:

Publicidade