Publicidade

Mercedes-Benz encerra primeiro semestre com crescimento nas vendas de automóveis

A Mercedes-Benz encerrou os primeiros seis meses de 2017 com resultados expressivos nas vendas de automóveis, registrando melhor desempenho no mercado brasileiro em comparação ao mesmo período do ano passado. Com 5.547 unidades emplacadas entre janeiro e junho, a marca chega à metade do ano com uma participação de 38,5% no segmento de veículos premium.

Entre os fatores que contribuíram para esse resultado, a estratégia de oferecer um portfólio amplo, com diferentes propostas, tem se mostrado essencial para o sucesso da marca. Em 2017, os produtos Classe A, Classe C, CLA, Classe E, GLC e GLE são líderes de seus segmentos e integram o plano de renovação do portfólio.

Além disso, a AMG, marca de superesportivos da Mercedes-Benz que completa 50 anos em 2017, também registrou desempenho significativo, com 313 unidades vendidas no semestre. Somente da família Mercedes-AMG GT, foram 15 unidades comercializadas nos primeiros seis meses do ano. Esses resultados representam uma participação de mercado de 45,8%, consolidando a liderança no segmento de superesportivos.

“O ano de 2017 tem sido reflexo da nossa estratégia de longo prazo. Os esforços da marca em se reinventar por meio do portfólio de produtos e serviços oferecidos, se traduzem em números expressivos de vendas. Em um cenário ainda conservador de mercado, é positivo apresentar esse tipo de crescimento em função de um planejamento bem-sucedido”, afirma Holger Marquardt, diretor geral Automóveis América Latina e Caribe.

Mercedes-BenzRelacionamento com o cliente

Outro fator que contribuiu para o crescimento nas vendas do primeiro semestre de 2017 teve início há três anos. Nesse período, a Mercedes-Benz ampliou sua rede de concessionários de 38 para 55 pontos pelo Brasil, incluindo 12 AMG Performance Centers.

“Para alcançar resultados de vendas positivos é preciso que a estratégia de desenvolvimento de rede esteja em linha com o planejamento de vendas da marca a longo prazo. Além de aumentar exponencialmente o número de pontos de venda e a cobertura das áreas operacionais no País, estamos constantemente renovando a estrutura dos concessionários, assim como aprimorando o atendimento e a experiência do cliente”, afirma Roberto Gasparetti, gerente sênior Desenvolvimento de Rede & Treinamento Automóveis América Latina.

Em complemento às inaugurações de novos pontos de venda para atender áreas em que a Mercedes-Benz ainda não atuava, a estratégia de desenvolvimento de rede é voltada também para os concessionários existentes, buscando melhorias dos showrooms e realocação para pontos mais atrativos.

Entre essas mudanças, é possível destacar o padrão de Arquitetura e Identidade Corporativa “Black”, no qual modernidade e sofisticação são representadas nos detalhes pretos em toda a estrutura física do local. Outro investimento realizado é um espaço exclusivo para exposição de modelos AMG, em que toda a ambientação faz referência à estrutura presente nos autódromos da Fórmula 1.

No que diz respeito a atendimento, este ano a marca passa a inserir mudanças no layout dos concessionários, com o objetivo de oferecer uma experiência de compra ainda mais exclusiva, com opções de recursos digitais, salas reservadas e lounges personalizados. O primeiro ponto de venda da marca a oferecer esses novos recursos é a Divena 23 de Maio, localizada na capital paulista


Publicidade


Leia Também:
Anterior:

Próxima:

Publicidade