Publicidade

Beto Monteiro sofre pane elétrica e amarga decepção ‘em casa’ na Copa Truck

Depois da conquista do título da Copa Centro-Oeste, a primeira das três que a Copa Truck coloca em disputa nesta sua primeira temporada de história, Beto Monteiro chegou a Pernambuco, seu estado, determinado à conquista de mais uma vitória. Contudo, o saldo da terceira etapa, disputada no sábado (8) em Caruaru, foi negativo para o piloto pernambucano, que viu-se às voltas com uma sucessão de falhas no sistema elétrico de seu caminhão.

O problema elétrico já havia se manifestado no treino classificatório de sexta-feira (7), relegando o Iveco número 88 do piloto da Lucar Motorsports ao 17º lugar no grid – largou à frente apenas dos três que foram desclassificados por emissão excessiva de fumaça. “Consegui avançar bem no início da corrida, mas esse problema elétrico acabou resultando numa perda de potência. Tentei me manter na pista para marcar pontos, o máximo que pudesse”, disse.

Beto MonteiroMonteiro finalizou a primeira corrida em 13º lugar. Na segunda, foi 10º. As vitórias foram dos paulistas Felipe Giaffone, da RM Competições, e André Marques, da AM Motorsport. A quarta etapa da temporada, definindo o título da Copa Nordeste, será disputada no dia 23 de julho no Autódromo Internacional Virgílio Távora, em Fortaleza. “Vamos trabalhar duro para recuperar o máximo do que foi perdido e, mesmo na dificuldade, tentar uma boa posição final”.

__________________________________________
Imagem: Fábio Oliveira


Publicidade


Leia Também:
Anterior:

Próxima:

Publicidade