Dicas de segurança Pirelli para o Carnaval

Na noite desta sexta-feira (9) vai começar oficialmente o Carnaval no Brasil. Rotineiramente os foliões, na pressa para buscarem se divertir com seus amigos e entes queridos, acabam esquecendo de algumas medidas importantes que devem tomar antes de partirem para a festa como, por exemplo, checar os pneus do veículo com o qual irão viajar.

Dirigir com pneus em condições ideais ajuda a garantir estabilidade e dirigibilidade do veículo, já que trafegar por ruas e estradas com pneus descalibrados ou com desgaste além do recomendado aumenta, de forma considerável, o risco de acidentes. Este cenário que, aliás, fica potencializado em situações de alta velocidade nas estradas e de superfícies com baixa aderência, como no caso de chuva.

Desta forma, antes de viajar, certifique-se que seu veículo está nas melhores condições possíveis. No caso dos pneus, olhe o desgaste em todos, incluindo estepe, pelo “TWI”. O indicador de desgaste, localizado em vários pontos da banda de rodagem e com indicação na lateral do pneu mostra quando é a hora de trocar devido à falta de profundidade dos sulcos da banda de rodagem.

Essa é uma informação muito importante, já que os pneus, caso atinjam ou ultrapassem o TWI, ficam mais suscetíveis a perfurações e avarias, bem como perdem sua capacidade ideal de escoamento de água e outros líquidos que, por ventura, possam estar na superfície da via, o que pode resultar em aquaplanagem e em um acidente. Em caso de dúvida, o proprietário deverá levar seu veículo até uma revenda Pirelli onde profissionais treinados irão avaliar as condições de uso dos pneus.

Além da avaliação do desgaste dos pneus pelo TWI, é importante avaliar a forma como eles estão se desgastando, se de forma equivalente ou não. Para garantir a máxima vida útil dos pneus, faça alinhamento e balanceamento a cada 10.000 km ou se começar a sentir vibrações excessivas na direção, tendências direcionais no veículo ou, também, em casos de batidas em obstáculos com os pneus.

Outra recomendação é o rodízio que deve ser feito a cada 10.000 km. Este procedimento visa garantir desgaste por igual dos quatro pneus, já que as rodas localizadas no eixo de tração irão se desgastar mais rapidamente do que as outras.

Caso seja necessário trocar algum pneu, não importando se do eixo dianteiro ou traseiro, a indicação é de que o usuário mantenha os pneus em melhor estado no eixo traseiro, independentemente do tipo de tração do veículo, já que a recuperação do controle vindo da parte de trás do veículo, em caso de incidente, requer maior habilidade do motorista.

Com pneus alinhados e balanceados, com seu desgaste avaliado, verifique também a calibragem dos pneus do veículo, garantindo que ela esteja de acordo com a carga que o veículo está carregando. Toda semana, faça a calibragem dos quatro pneus, quando estiverem frios, assim como do estepe, de acordo com as especificações do fabricante. Pneus calibrados possuem vida útil ideal, diminuem o consumo de combustível e garantem melhor dirigibilidade e aderência. Para saber o número correto, consulte o manual do proprietário do seu veículo, ou olhe na parte interna da tampa de combustível, verificando se o veículo está carregado ou não, visto que as pressões se alteram em cada um destes casos.

Dicas importantes de conservação dos pneus:

· Obedeça aos limites de velocidade e carga.

· Nunca estacione sobre manchas de óleo ou solvente, pois podem danificar os pneus

· Balancear as rodas e alinhá-las a cada 10.000 km, quando trocar dos pneus ou sempre que forem sentidas vibrações.

· Manter os pneus calibrados de acordo com as especificações do fabricante do veículo e a carga que este está carregando.

· Verificar o estado geral periodicamente e/ou após impactos ou desgaste irregular.

· Sempre que for trocá-los respeite a equivalência de medidas, índices de carga e códigos de velocidade.

· Montar os pneus em aros corretos e em perfeito estado.

· Estilo de direção e velocidade afetam diretamente a vida útil dos pneus.

Mais...


Leia Também:
Anterior:

Próxima: