Rodovias aderem à limpeza ecologicamente correta 

Como forma de conciliar respeito ao meio ambiente e economia, concessionárias responsáveis pela manutenção de rodovias estão trocando o uso de solventes agressivos à natureza (querosene, gasolina, aguarrás, hidrocarbonetos, entre outros) por desengraxantes alcalinos, ou seja, à base d’água. As soluções são utilizadas na limpeza de placas de sinalização e guard rails, como são conhecidas as cercas metálicas de proteção lateral das pistas.

“Devido à grande área, a aplicação de produtos de limpeza nas estradas costuma ser feita com auxílio de lavadoras de alta pressão, o que torna o uso de produtos ecologicamente corretos ainda mais importante”, explica o consultor técnico Mauro Sérgio Reis, da fabricante de especialidades químicas Quimatic Tapmatic. “A substituição de solventes por desengraxantes à base d’água evita que a vegetação e o solo próximos às placas e cercas sejam contaminados com o vapor de produtos prejudiciais ao meio ambiente.”

Vale lembrar que além de causar danos à natureza, o uso de solventes também faz mal aos trabalhadores que aplicam os produtos, aos ocupantes dos automóveis que trafegam pelo local no momento da aplicação, e também aos animais. As soluções à base de petróleo oferecem ainda risco de incêndio e explosão durante a utilização e estocagem. Todos estes riscos são reduzidos a zero no caso do uso de desengraxantes alcalinos.

De acordo com o técnico da Quimatic Tapmatic, os desengraxantes à base d’água não fazem mal à natureza porque não contêm metais pesados em sua formulação e são biodegradáveis, ou seja, se decompõem de forma natural no meio ambiente.

Nas estradas, a sujeira gruda rapidamente nas placas de sinalização e guard rails devido à combinação de alto movimento de carros, intensa flutuação de poeira e intempérie. É preciso efetuar a limpeza com os produtos certos para não acarretar prejuízos.

Mesmo deixando de lado toda a questão ambiental, os solventes continuam não sendo ideais para estas operações porque as soluções agridem as superfícies, reduzem as propriedades de reflexo da sinalização e soltam os adesivos das placas.

Em contrapartida, os desengraxantes à base d’água, com sua fórmula concentrada e não agressiva, potencializam a remoção de fuligem, piche, graxa, lama e areia, preservando as características das placas e cercas, ressalta a Quimatic Tapmatic.

Outro grande atrativo da solução ecologicamente correta é a economia. Ao contrário dos solventes, que são insolúveis, os desengraxantes podem ser diluídos em água (numa proporção de até 1:100, ou seja, uma parte de desengraxante para 100 partes de água, dependendo da aplicação). Desta forma, o custo final da limpeza com a solução fica bem menor.

A Quimatic Tapmatic fornece ao mercado uma série de desengraxantes à base d’água notificados pela Anvisa, sendo que o Quimatic ED SOLV é o mais utilizado pelas concessionárias de rodovias devido à versatilidade, fórmula concentrada e ação rápida. Para mais informações, acesse:
www.quimatic.com.br/produtos/desengraxantes-industriais/quimatic-ed-solv/
KEZHtxyCVLVEXrC6bbm_sIAzfPncZ

Embalagem desengraxante industrial à base de água Quimatic ED SOLV
drive.google.com/open?id=0BwuPjuKypwwOSDNtNGY3bEs5RWc

QUIMATIC TAPMATIC
Tel: (11) 3312-9999
e-mail: quimatic@quimatic.com.br
www.quimatic.com.br

Mais...


Leia Também:
Anterior:

Próxima: