SCHUNK lança dois módulos de troca rápida de paletes premium, durante a FEIMEC

SCHUNK, empresa familiar multinacional alemã, líder em competência em sistemas de garras e tecnologia de fixação, lança dois módulos de troca rápida de paletes premium, com características únicas no mercado: o primeiro é o módulo de troca rápida de paletes VERO-S NSE3 138, já o segundo o módulo de embutir para torres verticais VERO- S NSE-T3 138.

A característica mais marcante é uma tampa vedante opcional acionada por mola que automaticamente bloqueia a interface de acionamento do módulo assim que o pino de fixação é removido.

Em combinação com a função integrada de expurgo de ar, o bloqueio rápido previne a entrada de cavacos ou outras intempéries no sistema. Sem alterar sua altura, o módulo se mantém totalmente vedado contra impurezas externas.

A rigidez e a força “pull-down” aumentaram ainda mais

A SCHUNK conseguiu ainda aprimorar as características de alto desempenho do VERO-S NSE3 138 em comparação a versão líder de vendas anterior.

Com enormes forças de fixação com efeito pull-down de 8.000 N ou 28.000 N com a ativação da função TURBO, além disso com o aumento da superfície de apoio na face do módulo, é possível obter um impacto positivo na rigidez do sistema de fixação, garantindo maior estabilidade. Portanto, mesmo em casos no qual as peças são fixadas pela base e usinadas na altura, os momentos de inclinação e as forças transversais mais altas podem ser absorvidas de maneira confiável.

A fixação e o posicionamento nos módulos premium também ocorre por meio de uma face cônica com uma precisão de repetibilidade < 0.005 mm. Isso garante precisão máxima mesmo nas aplicações mais exigentes. Devido ao encaixe cônico, os pinos de fixação são inseridos aos módulos de maneira excêntrica, fazendo com que o processo de acoplamento seja extremamente fácil. A fixação é feita pelo sistema acionado por molas, sem nenhuma fonte de energia externa; a interface entre o módulo e o pino é auto centrante e de auto bloqueio. Por isso, as peças permanecem seguramente fixadas em caso de uma queda de pressão repentina no sistema de ar comprimido. Apenas 6 bar de pressão pneumática já é o suficiente para abrir os módulos de fixação.
Monitoramento conveniente

Para máxima confiabilidade de processo, utilizando-se de pressão dinâmica, ambas as cunhas de fixação podem ser monitoradas nas posições aberta ou fechada por padrão. Opcionalmente, um sensor de posicionamento pode ser utilizado, no qual adicionalmente detecta um processo de bloqueio sem o pino alojado.

Dependendo do diâmetro da rosca, o pino de fixação pode alcançar forças de retenção de até 35.000 N (M10), 50.000 N (M12) ou 75.000 N (M16). Todos os componentes, tal como corpo de base, pino de fixação e cunhas de bloqueio, são fabricados em aço inoxidável temperado, tornando-os absolutamente resistentes à corrosão e extremamente duradouros.

Áreas de apoio especialmente projetadas facilitam a limpeza e garantem uma superfície de contato perfeitamente plana para as peças ou os dispositivos de fixação.

Os novos módulos premium são totalmente compatíveis com o sistema modular VERO-S anterior, que agora consiste em mais de 1.000 combinações possíveis de sistemas de fixação altamente eficientes por padrão.

Mais...


Leia Também:
Anterior:

Próxima: