Pirelli dá dicas para trafegar com segurança o ano todo

O Movimento Maio Amarelo deste ano está terminando, mas as dicas para trafegar com segurança valem para todos os 365 dias. Equipamento pouco lembrado no dia a dia urbano, o pneu é item fundamental de segurança, pois ajuda a garantir a dirigibilidade e o controle do carro. Por isso, é importantíssimo checar o estado dos quatro pneus e estepe antes de sair de casa.

“O pneu é o único ponto de contato do veículo com o piso, por isso, é fundamental dar a esse equipamento a atenção necessária. Estamos finalizando o Maio Amarelo, movimento mundial de conscientização sobre segurança viária. Iniciativas como esta são muito importantes para um trânsito mais seguro”, afirma Roberto Falkenstein, diretor de Pesquisa e Desenvolvimento da Pirelli para América Latina.

Trafegar com pneus malconservados representa um grande risco, principalmente em altas velocidades. Pneus gastos perdem a aderência, podendo derrapar em pista suja ou curvas muito fechadas. Em superfície molhada, aumentam os riscos de o veículo aquaplanar e pioram na frenagem, pois a capacidade de drenagem de água dos pneus fica reduzida.

Um simples cuidado pode evitar acidentes graves. O próprio motorista pode checar se a profundidade dos sulcos da banda de rodagem está inferior a 1,6 mm (o TWI – Tread Wear Indicators), por meio de pequenos “ressaltos” presentes na base dos sulcos. A sigla é impressa bem visível no pneu na região do “ombro” da banda de rodagem. A medida mínima da profundidade dos sulcos foi definida por órgãos reguladores internacionais. É um padrão mínimo para que o pneu possa escoar a água quando em piso molhado. Portanto, não se deve esperar o pneu ficar careca para trocar, pois, nesta situação, já se tornaram muito perigosos.

Mas um consumidor leigo pode ter dificuldade de perceber apenas visualmente a medida. Nesse caso, o condutor deve procurar uma das lojas da Rede Oficial de Revendedores Pirelli, onde os profissionais possuem um medidor de profundidade (profundímetro) e podem dar um diagnóstico preciso do estado de conservação dos pneus.

“Mandamentos” da Pirelli para o pneu durar mais:

– Nunca esvazie ou reduza a pressão dos pneus enquanto eles estiverem quentes devido à utilização, pois a pressão normalmente sobe acima dos níveis recomendados devido ao aquecimento.

– Calibre os quatros pneus e o estepe semanalmente, de acordo com a pressão de ar recomendada no manual do fabricante, quando estão frios.

– Balanceie as rodas e alinhe o veículo a cada 10.000 km, na troca dos pneus ou sempre que forem sentidas vibrações.

– Faça rodízio a cada 10.000 km ou de acordo com o recomendado no manual do fabricante do veículo ou nos materiais expostos nos Revendedores.

– Verifique o estado geral dos pneus periodicamente e/ou após impactos ou desgaste irregular.

– Os pneus devem ser trocados sempre que a banda de rodagem for gasta até as marcas TWI, mesmo que em apenas um ponto da banda.

– Sempre que for trocar os pneus respeite a equivalência de medidas.

– Monte os pneus em aros corretos e em perfeito estado.

– Quando ocorrer impactos ou perfurações verifique também o interior dos pneus e, no caso do aparecimento de uma bolha, troque-o imediatamente.

– Nunca estacione sobre manchas de óleo ou solvente, pois eles causam dano aos pneus.

– Obedeça aos limites de velocidade e carga.

– O estilo de direção e a velocidade afetam diretamente a vida útil dos pneus.

Mais...


Leia Também:
Anterior:

Próxima: