Bolsonaro passa por cirurgia de urgência

O presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) está sendo submetido a uma cirurgia de urgência na noite desta quarta-feira (12). A informação foi confirmada por Flávio Bolsonaro, filho do candidato à presidência e candidato ao Senado no Rio de Janeiro. “O estado dele ainda é grave”, disse.

Bolsonaro sofreu um atentado com faca na última quinta (6) e está sendo acompanhado pelo cirurgião Antônio Luiz Macedo. Ele foi submetido a um procedimento devido a uma aderência das paredes do intestino delgado. Isso significa que possa ter havido uma resposta do corpo ao processo inflamatório da primeira cirurgia passada por Bolsonaro, provocando uma cicatrização com ‘fibras duras’.

Um caso de urgência não significa risco iminente de vida. Quando ocorre uma cirurgia de emergência, a situação é ainda mais grave.

Segundo o boletim médico do hospital, divulgado nesta noite, o deputado seguirá internado na unidade de cuidados semi-intensivos. “[O quadro]evoluiu agora com distensão abdominal progressiva e náuseas, foi submetido a uma Tomografia de abdômen que evidenciou presença de aderência obstruindo o intestino delgado”, destaca nota assinada pelo médicos: Antônio Luiz Macedo, cirurgião, Leandro Echenique, clínico e cardiologista, e Miguel Cendoroglo, Diretor Superintendente do Hospital Israelita Albert Einstein.

Mais na Gazeta do Povo!

Mais...


Leia Também:
Anterior:

Próxima: