O PSDB é a bola da vez?

Bom dia!

Enquanto Geraldo Alckmin (PSDB) luta para subir nas pesquisas de intenção de voto, o ex-governador do Paraná e candidato ao Senado Beto Richa (PSDB) e sua esposa seguem presos. Para piorar a situação dos tucanos, o governador do Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), candidato à reeleição, foi alvo de medidas de busca e apreensão em uma operação da Polícia Federal que investiga um suposto esquema de corrupção no estado. O filho de Azambuja e outras 13 pessoas, incluindo membros do legislativo e do Tribunal de Contas, tiveram a prisão temporária decretada pelo ministro Félix Fischer, do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Ativismo?

Fernando Haddad (PT), ex-prefeito de São Paulo e candidato à Presidência da República, e o próprio Geraldo Alckmin já tinham sido denunciados pelo Ministério Público de São Paulo (MP-SP) por improbidade administrativa nas últimas semanas. O corregedor-geral do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), Orlando Rochadel, determinou a abertura de uma reclamação disciplinar contra cada um dos promotores que atuam nesses casos.

Gilmar Mendes, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e comentador-geral da República, criticou o que chamou de “hiperativismo” do Judiciário e do MP e elogiou a iniciativa do CNMP. A força-tarefa da Lava, por outro lado, chamou-a de “mordaça” e falou em uma “tentativa indevida de constranger o Ministério Público.”

Tudo como está

Falando em STF, os ministros decidiram que não existe um direito constitucional líquido e certo à educação domiciliar (homeschooling), embora a Constituição não a proíba. Os ministros reconheceram que a matéria precisaria de regulamentação legal. Atualmente, o Conselho Nacional de Educação (CNE) considera obrigatória a frequência escolar. Na prática, o julgamento não encerra a discussão e só devolve a bola para o Congresso.

Liberdade?

O Conselho Federal de Psicologia (CFP) pediu ao Supremo que anule uma decisão de primeira instância de dezembro de 2017, que liberou psicólogos para atender pacientes que se sentem atraídos por pessoas do mesmo sexo.

Missão

E o ministro Dias Toffoli assume hoje (13) a Presidência do STF. O editorial da Gazeta do Povo avalia que ele tem a missão de recuperar a imagem da corte depois do biênio mais tumultuado da história recente do tribunal:

Em um país há muito abalado por escândalos de corrupção envolvendo seus representantes eleitos, o povo acostumou-se a ver o Judiciário – e, especialmente, o Supremo Tribunal Federal – como uma espécie de “última reserva moral” da nação. Nem sempre, no entanto, a corte tem se colocado à altura. Recuperar essa imagem de referência, de um tribunal que atua como apaziguador social, firme no combate à corrupção, tomando decisões sensatas, sem interferências indevidas nos demais poderes, será um dos principais desafios de Dias Toffoli à frente do STF neste próximo biênio.

Nova cirurgia

Jair Bolsonaro (PSL) passou por uma nova cirurgia na noite de ontem (12) devido a aderência obstruindo o intestino delgado. O procedimento foi concluído com sucesso.

Colostomia

Nossa equipe explica direitinho. Isadora Rupp (Viver Bem) recomenda: “Após a cirurgia e internação por causa do atentado que sofreu na última quinta-feira (6), o candidato a presidência Jair Bolsonaro precisará usar uma bolsa de colostomia durante alguns meses, até a recuperação total do intestino — uma parte do intestino grosso foi perfurada. Conversamos com médicos para saber como a bolsa funciona.” 

Segue o jogo

Bolsonaro segue no hospital, Lula da Silva (PT) segue preso, mas todas as cartas da eleição estão na mesa. Lúcio Vaz, Mário Vitor Rodrigues, Fernando Martins e este que vos escreve discutimos o cenário eleitoral no Podcast Eleições. Aproveite os afazeres matinais para escutar.

Até o último minuto

Defensora canina do ex-presidente Lula, Gleisi Hoffman, presidente do PT e candidata a deputada federal pelo Paraná, sai enfraquecida do teatro petista, por ter arriscado implodir a candidatura do partido. Débora Álvares conversou com diversos presentes na derradeira reunião em Curitiba antes de Haddad assumir a dianteira da chapa: a percepção de muitos é que Gleisi agiu de forma autoritária e imprudente.

Fogo de palha

Se depender do presidente do Patriota, Adilson Barroso, Cabo Daciolo deve ficar fora da disputa presidencial. Evandro Éboli conta essa história para a gente.

Pergunte ao candidato

O noticiário de eleições tende a dar mais atenção às corridas aos cargos majoritários, mas é preciso estar atentado também na escolha dos nomes para o Congresso. Uma boa pista é procurar saber o que seu candidato pensa sobre projetos que devem gerar polêmica nos próximos anos. Listamos 5 projetos com impactos na defesa da vida e do costumes.

Enrolado

O ministro Edson Fachin, do STF, enviou para a Procuradoria-Geral da República (PGR) o relatório final da Polícia Federal que aponta haver indícios de corrupção passiva e lavagem de dinheiro contra o presidente Michel Temer no caso da Odebrecht. Fachin deu 15 dias para Raquel Dodge decidir se oferece ou não denúncia.

Mais que um prédio

Confere este exemplo. Daliane Nogueira (Haus) recomenda: “Tem momentos em que um prédio não é só um apanhado de concreto, tijolos ou madeira, ele vai além e é capaz de transformar vidas. Este é o caso da maternidade projetada de forma voluntária pelo escritório estrelado HKS para a cidade de Kachumbala, em Uganda. Foram usados os conceitos de sustentabilidade, além de mão de obra local para oferecer um projeto funcional, que respeita o lugar onde foi construído e atende milhares de pessoas.” 

Volta ao mundo em 1 minuto

O papa Francisco resolveu agir. Vandré Kramer (Mundo) escreve: 

Surpreendente. As mudanças climáticas abrem a possibilidade de novas rotas marítimas. Pela primeira vez na história, um navio porta-contêineres está transportando cargas entre o Leste da Ásia e a Europa pelo Oceano Ártico. A expectativa é de que a viagem possa ser reduzida em até duas semanas, comparativamente ao trajeto realizado pelo Canal de Suez

Igreja. O papa Francisco convocou os presidentes das conferências episcopais do mundo para uma cúpula em fevereiro de 2019. A reunião será realizada para discutir a prevenção do abuso sexual e a proteção das crianças na Igreja Católica, em um sinal de que o pontífice percebeu as dimensões globais do escândalo e considera que a falta de ação ao lidar com o assunto é uma ameaça ao seu legado

Denúncia. A ONU denunciou ataques químicos e crimes de guerra na Síria. Comissão de Inquérito das Nações Unidas obteve provas que Damasco usou armas químicas para reconquistar algumas das principais cidades que estavam sob controle da oposição e de grupos terroristas.”

Foto do dia:

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2018/09/13/Opiniao/Imagens/Cortadas/1209 foto-ID000002-1200x800@GP-Web.jpegO furacão Florence está perdendo força, mas, em compensação, está aumentando de tamanho. As imagens de satélite são assustadoras. Os ventos chegam a 250 quilômetros por hora. A previsão é que chegue à costa Leste dos Estados Unidos na sexta-feira.Nasa

Paraná 

O calvário de Beto Richa continua. Sandro Gabardo (Política Paraná) escreve:

Centro do palco. O principal personagem na prisão de Beto Richa é Tony Garcia, ex-deputado estadual, que denunciou o candidato ao Senado por suposto esquema de fraude em licitação do programa Patrulha do Campo. Saiba quem é o delator que chegou, segundo ele, a levar dinheiro vivo para a casa do ex-governador do Paraná

Acusações. Em meio a críticas da defesa de Beto Richa, que acusa o Ministério Público de oportunismo com a prisão do ex-governador, o juiz que determinou a ação contra o político e seus aliados justificou a atitude extremada. Confira o que disse o magistrado e a nota oficial de Richa aos paranaenses

Eficiência. O Programa Patrulha do Campo, que teria sido fraudado por Richa e seus aliados, segundo delação premiada de Tony Garcia, teve licitação de R$ 67,3 milhões e só reparou 3,2% das estradas rurais do Paraná

Olho neles. Começaram as sabatinas com os candidatos ao governo do Paraná na Gazeta do Povo. Ratinho Junior foi o primeiro a enfrentar as perguntas de jornalistas e leitores. Além de apresentar propostas, ele teve trabalho para se desvencilhar da imagem de proximidade com Beto Richa, de quem foi secretário de Desenvolvimento Urbando.” 

Curitiba

Você se lembra do concurso Cachorro do Ano? Pois ele está de volta. E com novidades. Confira a seleção dos nossos editores:

Alerta. Fernanda Leitóles (Curitiba) recomenda: “Mais um museu de Curitiba apresentou problema de infraestrutura. Um vazamento deixou pelo menos uma sala com água na altura dos pés.” 

Ícone. Daliane Nogueira (Haus) recomenda: “Um dos principais cartões-postais da cidade tem um novo elemento arquitetônico logo na entrada. A Ópera de Arame acaba de receber um portal, uma estrutura de 230 m² que integra loja, bilheteria e lounge coberto para visitantes e utiliza vidro temperado para trazer transparência e visibilidade para o Ópera ao fundo. A Luciane Belin nos conta todos os detalhes do projeto assinado pelo arquiteto Flavio Monastier. 

Não perca! Aléxia Saraiva (Guia) indica: “A voz e o violão de Cícero esgotaram os ingressos da sua apresentação no dia 26 de setembro no Teatro Paiol. Por isso, o cantor decidiu repetir a dose em um show extra, que acontece mais cedo no mesmo dia.”

Aprenda. Andrea Torrente (Bom Gourmet) recomenda: “Quer melhorar suas habilidades na cozinha? A partir desta quinta (13), chefs locais e nacionais dão aulas-show gratuita no Shopping Curitiba. Veja a programação completa!” 

De volta. Isadora Rupp (Viver Bem) recomenda: “História fofa para começar o dia: a da vira-latas Aika, a vencedora do concurso Cachorro do Ano de 2010. Este ano, o concurso que elege o cão mais fofo da cidade está de volta! As inscrições estão abertas até o dia 25 de setembro, e cada tutor pode inscrever até três cães. E o melhor: na fase de votação popular, os cliques serão transformados em ração, que serão doadas para entidades da causa animal.” 

Um ótimo dia a todos!

Mais na Gazeta do Povo!

Mais...


Leia Também:
Anterior:

Próxima: