Petrobras reduz preço da gasolina

O petróleo caiu para cerca de US$ 83 o barril nesta segunda-feira (8), pressionado pelas expectativas de que algumas exportações de petróleo iraniano continuarão uindo depois que os EUA reajustarem as sanções, diminuindo a pressão sobre os estoques. Mas a notícia não deve impactar as ações da Petrobras , que deve registrar um dia de euforia após o resultado da eleição do primeiro turno que mostrou força de Jair Bolsonaro (PSL) para a eleição, assim como as demais estatais.

No radar, JBS é processada após contaminação por salmonela, enquanto a Gol quer aumentar suas receitas em dólar. Conra os destaques do radar corporativo desta segunda-feira (8): Petrobras.

A Petrobras reduziu nesta segunda-feira o preço da gasolina nas renarias de R$ 2,2159 para R$ 2,1889, com preços válidos para as renarias na próxima terça-feira. Também no radar da companhia, o Brasil importou menos diesel, gasolina e nafta no mês de setembro.

Uma matéria na Revista Veja sobre sobre a participação da Petrobras no procedimento arbitral como forma de solução do impasse com a Schahin levou a companhia a se posicionar. Em comunicado, a empresa armou que “agiu em consonância com o posicionamento da sua área técnica, assim como geralmente ocorre nos demais procedimentos arbitrais instaurados pela companhia, por meio da qual foram avaliados aspectos jurídicos, contratuais, comerciais, dentre outros”.

Mais em http://informativodosportos.com.br/portal/2018/10/08/petrobras-reduz-preco-da-gasolina/

Mais...


Leia Também:
Anterior:

Próxima: