ZF desenvolve Front EPB – exclusivo sistema de freio de estacionamento elétrico para eixos dianteiros

  • O Front EPB oferece alta eficiência na frenagem, economia de combustível e maior conforto ao condutor
  • Sistema pode equipar veículos com qualquer tipo de transmissão
  • Pioneira no desenvolvimento de freios de estacionamento elétricos traseiros, ZF já produziu mais de 100 milhões de unidades no mundo

A ZF acaba de apresentar ao mercado brasileiro seu exclusivo freio de estacionamento elétrico para eixo dianteiro. Trata-se do Front EPB (Front Eletric Parking Break), que oferece maior capacidade de frenagem, mais segurança e maior conforto ao condutor do veículo. O sistema EPB da ZF está em sua sexta geração de desenvolvimento e foi introduzido no mercado global pioneiramente pela empresa em 2001. Desde então, mais de 100 milhões de unidades já foram produzidas em todo o mundo.

O Eletric Parking Brake – freio de estacionamento elétrico – automatiza a função de freio de estacionamento, eliminando a tradicional alavanca manual de freio. Essa automação permite maior eficiência ao sistema e permite, também, segurança e economia de combustível, uma vez que o veículo, com menos equipamentos mecânicos, torna-se mais leve. Outra vantagem que possibilita a economia de combustível é a eficiência energética, que ocorre graças à redução do atrito residual entre pastilha e disco, após a liberação do freio.

O acionamento ocorre por meio de um botão que pode ser colocado em qualquer ponto do veículo, a critério de cada montadora. “A possibilidade de acioná-lo apenas com o leve toque de um botão traz conforto aos usuários e especialmente aqueles que possuem algum tipo de limitação física por permitir fácil acessibilidade”, explica Wilson Rocha, diretor de vendas de carros de passeio da ZF América do Sul.

Totalmente automatizado, o EPB pode ser ajustado pela montadora de maneira amplamente flexível e de acordo com a melhor conveniência técnica e operacional. Por exemplo, o sistema pode ser acionado automaticamente assim que o carro for desligado, ou com a alavanca de câmbio na posição “P”, ou ao se abrir qualquer porta, entre outros. Do mesmo modo, sua desativação também pode ser feita conforme determinação técnica de segurança da engenharia de cada marca. Um exemplo é a liberação do veículo apenas com o motor ligado, alavanca de câmbio na posição “D”, o pedal do freio acionado e com o cinto de segurança afivelado. Trata-se de um sistema automático e inteligente que permite incorporar várias lógicas de segurança para evitar acidentes que podem ser ocasionados por acionamentos/desacionamentos involuntários.

O EPB possibilita que outros equipamentos eletrônicos sejam adicionados ao sistema, como o “Hill Holder”, cuja função é manter o veículo parado em rampas com o acionamento do sistema hidráulico e migrando para o acionamento do EPB. Essa tecnologia é mandatória para as funções de direção automatizada ou autônoma.

Mais conforto, segurança e inovação para todos os segmentos

A ZF pioneiramente desenvolveu o EPB para atuar no eixo traseiro. Agora, em mais esta inovação, o Front EPB, com atuação no eixo dianteiro do veículo, assegura um notável ganho de conforto, uma vez que o usuário não percebe mais o leve movimento semiestático, quando o carro para ou sai de uma rampa. “Esse movimento sempre gera dúvida no usuário se realmente o carro vai permanecer parado na rampa. Essa dúvida é eliminada pelo sistema Front EPB e substituída por uma grande sensação de segurança” comenta Rocha.

Outro benefício do sistema EPB é o aumento da capacidade de frenagem do veículo em caso de alguma falha do freio hidráulico. Diferente da atuação do convencional “freio de mão”, que não é eletronicamente controlado, e se acionado em uma emergência pode desencadear acidentes, o EPB, uma vez acionado nesta situação, faz com que o freio elétrico atue de maneira totalmente controlada, evitando o perigoso travamento das rodas. Com o Front EPB a capacidade de frenagem de emergência é dobrada, em comparação ao sistema traseiro.

Além de todas essas vantagens, o Front EPB pode ser aplicado em veículos com freios a tambor na roda traseira, possibilitando assim a instalação em modelos de entrada, diferentemente do EPB convencional que necessita de freio a disco nas rodas de trás, democratizando assim esta tecnologia de segurança para todos os segmentos.

Fonte: ZF

Mais em http://transportedigitalnews.com.br/site/zf-desenvolve-front-epb-exclusivo-sistema-de-freio-de-estacionamento-eletrico-para-eixos-dianteiros/

Mais...


Leia Também:
Anterior:

Próxima: