Compensação ambiental para recuperação do Cerrado

A Valec Engenharia, Construções e Ferrovias S.A, vinculada ao Ministério dos Transportes, Portos e Aviação, lança, nesta quarta-feira (28/11), em Anápolis (GO), o Plantio Compensatório Ferrovia Norte-Sul. O projeto prevê o plantio de mais de 4 milhões de mudas para recuperação do Cerrado. Em cerimônia simbólica, também serão entregues 600 mudas da espécie Chichá para arborização urbana do município.
A iniciativa não é pouca coisa diante de algumas vozes que acham que vale-tudo na hora de produzir – no campo e na cidade. É necessário que repitamos diariamente que precisamos tratar o ambiente com respeito. Humanos sustentáveis é do que precisamos. Por isso, merece todos os nossos aplausos a ação da Valec, cujo objetivo é reflorestar 1.467 hectares em toda a extensão da Ferrovia, do Tramo Central e da Extensão Sul (de Palmas-TO a Estrela D´Oeste-SP), com a construção de cinco grandes viveiros para plantio e replantio adequado das mudas nos municípios de Goiânia (GO), Gurupi (TO), Porangatu (GO), Rio Verde (GO) e Fernandópolis (SP).
O projeto integra ações do Plano Básico Ambiental (PBA), pactuado com o Ibama, para compensação dos impactos ambientais das obras da FNS e contempla o plantio de mudas em áreas de preservação permanente.
Que venham mais ações em defesa da natureza, do ambiente, da vida. Que venham o agricultor sustentável, o empresário sustentável. Que venha a economia sustentável!

Fonte: Portogente
Data: 27/11/2018

Mais...


Leia Também:
Anterior:

Próxima: