Perfil dos finalistas – Felipe Giaffone: “Não tem conta, é ir para cima”

Recordista de Copas e vitórias nesta temporada, Felipe Giaffone chega à Grande Final em terceiro na briga pelo bicampenato em 2018. Os resultados abaixo do esperado nas Copas Sudeste e Sul foram primordiais para esse desfalque de quatro pontos para o líder do ranking geral, André Marques, que tem 128.

E, em Curitiba, o desafio de Giaffone é duplo: conquistar o título da Copa Truck e disputar/organizar as 500 Milhas de Kart, que acontecem no Kartódromo Granja Viana, em São Paulo, o qual gerencia. Isso logo depois de voltar de Abu Dhabi, onde trabalhou como comissário convidado no último GP do ano da Fórmula 1.

“Não tem conta, é ir para cima e ver o que acontece”

“Esta será uma semana bem corrida. Venho de Abu Dhabi e vou alternar entre Curitiba e São Paulo no fim de semana, mas estou bem animado. O caminhão deve ir bem em Curitiba, ele está rápido mas tudo vai depender da sorte de chegar no fim. Preciso chegar na frente para vencer, não vai ser fácil, mas não tem muito o que pensar. Não tem conta, é ir para cima e ver o que acontece”, comenta o campeão das Copas de 2017.

O que Felipe Giaffone fez na pista em 2018:

6 vitórias
– Guaporé 2
– Campo Grande 1
– Buenos Aires 1
– Buenos Aires 2
– Curvelo 1
– Curvelo 2

2 poles
– Cascavel
– Campo Grande

6 presenças no Top Qualifying
– Cascavel
– Goiânia
– Campo Grande
– Buenos Aires
– Rivera
– Curvelo

12 pódios
– Cascavel 1
– Guaporé 2
– Campo Grande 1
– Campo Grande 2
– Buenos Aires 1
– Buenos Aires 2
– Rivera 1
– Rivera 2
– Curvelo 1
– Curvelo 2

Mais...


Leia Também:
Anterior:

Próxima: