Formula E entra em uma nova era com a tecnologia da Schaeffler

A atual campeã Audi Sport ABT Schaeffler disputa a quinta temporada da Fórmula E

Quatro pilotos usam a tecnologia da Schaeffler em 2018/2019

Duas vitórias no campeonato, 45 corridas resultando em 35 pódios e 94% de todas as voltas possíveis completas: há quatro anos a Audi, a ABT e a Schaeffler formam uma das maiores parcerias bem-sucedidas na Formula E. Com nova tecnologia, que vai desde um veículo completo até o motor, incluindo um sistema de bateria radicalmente modificado, juntamente com novas equipes, pilotos e locais, inicia-se uma nova era para a Formula E, uma era em que a Schaeffler visa continuar sua trajetória de sucesso. A quinta temporada, que começou em dezembro, envolve 13 corridas em cinco continentes.

“Para a Schaeffler, a Formula E tem sido a perfeita plataforma para demonstrar nossa experiência no pioneirismo de tecnologias e na exibição de nossas ideias para uma mobilidade sustentável do amanhã”, diz o Prof. Peter Gutzmer, CTO da Schaeffler, que iniciou o projeto da Formula E cinco anos atrás e afirma: “Desde então, essa categoria se desenvolveu e se tornou a sensação do automobilismo mundial. A Fórmula E tem atraído fãs e a mídia, com vários fabricantes e empresas envolvidos, ela oferece um ambiente competitivo de classe mundial”.

Na quarta temporada da série de corridas utilizando energia elétrica, que culminou no primeiro lugar da Audi Sport ABT Schaeffler na classificação geral por equipes em Nova York em julho de 2018, o Audi e-tron FE04 foi considerado o carro mais eficiente. Seu sucessor marca a evolução continuada desse modelo bem-sucedido, especialmente com relação ao aspecto principal do Audi e-tron FE05: o conjunto propulsor, que compreende o motor, o inversor, a transmissão, peças do eixo da roda traseira e o software de controle. A Audi e seu parceiro tecnológico, a Schaeffler, trabalharam em conjunto para desenvolver a unidade do motogerador, o Audi Schaeffler MGU03. O objetivo dos engenheiros era melhorar a eficiência e o desempenho do pacote inteiro. E conseguiram: 95% dos componentes do propulsor são novos e os engenheiros conseguiram reduzir o peso em 10%.

A Schaeffler tem sido responsável por desenvolver o conjunto propulsor desde a segunda temporada, primeiro em parceria com a ABT Sportsline, depois com a Audi. Nesta temporada, quatro pilotos usarão tecnologia da Schaeffler: além do carro pilotado pela própria equipe de fábrica, a Audi Sport fornecerá à Envision Virgin Racing o Audi e-tron FE05 e o conjunto propulsor recém desenvolvidos. Com seus pilotos, Sam Bird e Robin Frijns, a equipe de corrida britânica está entre os membros e os protagonistas fundadores da Fórmula E.

A nova temporada começou em dezembro em Ad Diriyah, seguindo para Marrakesh, Santiago de Chile e México. Agora, a Formula E está levando 11 equipes e 22 pilotos para Hong Kong, Sanya, Roma, Paris, Mônaco, Berlim, Zurique, encerrando em Nova York em julho. Um dos destaques será a corrida em casa na Alemanha no dia 25 de maio de 2019, que promete ter as arquibancadas lotadas por torcedores da equipe.

Sobre a Schaeffler

O Grupo Schaeffler é um fornecedor automotivo e industrial global. Alta qualidade, tecnologia de ponta, espírito excepcionalmente inovador configuram a base para o sucesso continuo da empresa. Ao fornecer componentes e sistemas de alta precisão em aplicações de motor, transmissão e chassis, bem como soluções de rolamento e guias deslizantes para um grande número de aplicações industriais, a Schaeffler está moldando a “Mobilidade para o amanhã” para um grau significativo. A empresa gerou um volume de vendas de aproximadamente 14 bilhões de euros em 2017. Com mais de 92 mil colaboradores, a Schaeffler é uma das maiores empresas de propriedade familiar do mundo e, com cerca de 170 plantas distribuídas em 50 países, possui uma rede mundial de locais de fabricação, pesquisa e desenvolvimento e escritórios de vendas. Schaeffler Brasil 60 anos. Somos a mobilidade para o amanhã.



Leia Também:
Anterior:

Próxima: