Prefeitura de Ilhabela prevê início de operação de ônibus aquáticos em 90 dias

Desde 2015, veículos estão sem uso em Ilhabela. Foto: Divulgação / Prefeitura

Veículos foram comprados em 2015 por R$ 4 milhões para reforçar transporte coletivo

JESSICA MARQUES

A Prefeitura de Ilhabela, no litoral paulista, prevê o início da operação de ônibus aquáticos no arquipélago dentro de 90 dias. Os veículos foram comprados em 2015 por R$ 4 milhões para reforçar o transporte coletivo, mas até hoje não foram utilizados.

Segundo informações do G1, ainda neste semestre os ônibus aquáticos vão reforçar a travessia de pedestres na balsa, no canal de São Sebastião.

A previsão foi informada pelo secretário de turismo de ilha, Rafael Fazzini Dias, que afirmou ainda que os veículos serão reformados por R$ 900 mil. Em seguida, os ônibus aquáticos serão entregues à Dersa, sociedade de economia mista do Governo do Estado que administra a balsa.

De acordo com informações da Prefeitura, os ônibus aquáticos não entraram em operação por falta de estrutura em pontos de embarque e por questões de acessibilidade. Além disso, as embarcações em marinas custam R$ 19,4 mil por mês aos cofres públicos municipais.

Durante a reforma dos veículos, as questão de acessibilidade devem ser resolvidas pela Prefeitura, conforme Dias informou ao G1.

A Dersa confirmou ao portal que os aquabus serão utilizadados na travessia no canal de São Sebastião, com a possibilidade de oferecer mais pontos de embarque e desembarque.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Mais em https://diariodotransporte.com.br/2019/02/26/prefeitura-de-ilhabela-preve-inicio-de-operacao-de-onibus-aquaticos-em-90-dias/



Leia Também:
Anterior:

Próxima: