Maior encarroçadora de ônibus da Argentina encerra atividades e despede mais de 500 funcionários

A Metalpar, de origem chilena, pertence ao grupo brasileiro Marcopolo S.A. e concentra mais de 70% das vendas de carrocerias na Argentina. Foto: Divulgação.

Planta de San Martin da Metalpar está fechada

JESSICA MARQUES

A maior encarroçadora de ônibus da Argentina, a Metalpar, fechou as portas e despediu mais de 500 funcionários. De acordo com a mídia local, a planta de San Martin foi fechada após comunicado aos trabalhadores.

Com o fechamento da empresa, foram demitidos operários e profissionais que atuam nos setores de limpeza, alimentação, segurança e manutenção.

O portal Info Gremiales noticiou nesta semana que mais de mil postos de trabalho devem ser impactados com o fechamento da encarroçadora.

A queda nas vendas da empresa já havia resultado em redução de funcionários em 2018. A empresa informou à mídia local que realizou solicitou ao Governo Federal medidas para evitar que o fechamento da fábrica ocorresse.

Em um encontro com a Direção Nacional de Relações Trabalhistas, em maio do ano passado, a empresa já havia informado a possibilidade de fechar as portas.

A partir de então, ainda de acordo com a mídia local, foi criado um programa para dar suporte à fabricação, produtividade, qualidade e custos da empresa, contudo, ainda assim a encarroçadora alegou problemas financeiras e fechou as portas.

A Metalpar, de origem chilena, pertence ao grupo brasileiro Marcopolo S.A. e concentra mais de 70% das vendas de carrocerias na Argentina. Por isso, de acordo com o portal argentino Turbo, há a possibilidade de que os ônibus sejam importados da encarroçadora brasileira.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Mais em https://diariodotransporte.com.br/2019/02/28/maior-encarrocadora-de-onibus-da-argentina-encerra-atividades-e-despede-mais-de-500-funcionarios/



Leia Também:
Anterior:

Próxima: