Aeroporto de Cuiabá tem aumento de 7,3% de passageiros no 1º bimestre de 2019

O Aeroporto Internacional de Cuiabá/Marechal Rondon – Várzea Grande (MT) continua superando o registro de aumento contínuo na movimentação de passageiros. Somente no primeiro bimestre de 2019, o terminal já contabilizou o crescimento de 7,3%, em comparação à 2018. Entre embarques e desembarques, o terminal cuiabano somou quase 533 mil passageiros, de janeiro a fevereiro deste ano, enquanto no ano anterior foram computados pouco menos de 497 mil viajantes.

Segundo o superintendente interino do Aeroporto Internacional de Cuiabá, Laelson do Nascimento, estes números devem aumentar mensalmente, em comparação com 2018. “A nossa expectativa é de que este crescimento na movimentação de passageiros se mantenha. Desta forma, estimamos que o aeroporto atenda cerca de 3,3 milhões de pessoas até o final do ano”, declarou. No ano passado passaram 3,02 milhões de passageiros pelo terminal.

Na Pesquisa de Satisfação do Passageiro e Desempenho Aeroportuário, encomendada pelo Ministério da Infraestrutura, para o quarto trimestre de 2018 (outubro a dezembro), o terminal reafirmou o compromisso com a segurança e qualidade no atendimento ao usuário. O terminal evoluiu mais uma vez em sua pontuação no índice de “Satisfação Geral dos Passageiros”, e, alcançou a nota de 4,33, atingindo a meta de 4,0, estabelecida pelo Governo Federal para cada indicador. A sondagem foi divulgada em fevereiro de 2019. “É importante e gratificante destacar que, juntamente com o crescimento da movimentação de passageiros, também vem crescendo o índice de satisfação de passageiros com a infraestrutura e serviços prestados no Aeroporto”, comemorou Laelson.

Considerado o mais movimentado aeródromo do Mato Grosso, o Marechal Rondon tem capacidade para atender 5,6 milhões de usuários ao ano, e opera voos das companhias aéreas Avianca, Azul, Gol, Latam e Asta, que ligam a cidade a destinos como Brasília (DF); Goiânia (GO); Rio de janeiro (RJ); Vilhena, Ji-Paraná e Porto Velho (RO); Belém (PA); Rondonópolis, Tangará da Serra, Juína, Juara, Sorriso e Alta Floresta (MT); Guarulhos, Congonhas, Campinas e São José do Rio Preto (SP), além das conexões. A movimentação média diária de aeronaves chega a 46 voos comerciais regulares entre pousos e decolagens.



Leia Também:
Anterior:

Próxima: